Atualizado em: 28 março 2013

Inscrições para o Programa da Supernanny no SBT

Atualmente o SBT exibe a oitava temporada do programa, e se mantém como um dos programas mais bem sucedidos da emissora
Você Sabia?
Que foi em Em 19 de agosto de 1981 nascia o Sistema Brasileiro de Televisão, que entrou no ar imediatamente, inaugurando sua programação com a transmissão da assinatura de contrato entre Silvio Santos e o governo federal.
supernanny_cris_poli_novo_22

Supernanny é um programa de televisão que foi criado pela televisão da Inglaterra

Supernanny é um programa semanal no SBT que existe desde abril de 2006, inspirado em uma versão americana, o programa fez tanto sucesso que ficou quatro anos seguidos no ar, até a ter férias.

Nesse período o programa ajudou mais de 100 famílias e após um breve intervalo voltou para ajudar novas famílias em situações complicadas com filhos pequenos. A apresentadora, Cris Poli, atende ao chamado de uma família a cada novo episódio, dando dicas que servem tanto para os participantes como para sua audiência.

publicidade:

Sobre o Programa

O formato do programa foi apresentado pela primeira vez sob o comando da educadora Jo Frost, na Inglaterra, desde então a fórmula se espalha, e o programa passou a ser produzido ou receber adaptações em diversos países.

A apresentadora da versão brasileira é, na verdade, argentina. Cris Poli é uma pedagoga,  Instituto Nacional Superior do Professorado em Línguas Vivas Juan Ramón Fernandez, no Brasil ela também fez licenciatura em Letras, Inglês-Português, na FFLCH-USP. Cris atuou como professora em colégios de Buenos Aires e São Paulo. Hoje, com 67 anos e casada há 45, é mãe de 3 filhos e avó de 5 netos. Vive no Brasil há mais de 35 anos.

Como Participar

Para participar do programa basta acessar o site www.sbt.com.br/supernanny e clicar em inscrição, o site abrirá uma nova janela para outra área do site da emissora, onde é possível se cadastrar. É possível cadastrar até sete crianças de uma mesma família para a participação na parte de educação do programa, todas devem ter no máximo dez anos, não serão aceitos participantes com idade superior a isso. Também há um espaço para os pais explicarem o que acham que acontece com os filhos, e suas opiniões sobre.

No site do programa há outras funções que podem ajudar quem precisa de uma experiência mais profissional de educação, com auxilio da pedagogia, como vídeos, no espaço “Passo a Passo” que mostram um pouco da experiência não apenas com a educação das crianças, mas também dos pais, pois sabemos que a convivência influencia hábitos e atitudes e muitas vezes a mudança exige uma reforma geral.
Todos os episódios anteriores também estão disponíveis para ver e rever no site, na área de programas anteriores.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook