Atualizado em: 30 setembro 2011

Nova Iorque se tornará centro de pesquisa de chips

Wafer de chips de 45 nanômetros comparado com uma moeda de 1 centavo de dólar

Wafer de chips de 45 nanômetros comparado com uma moeda de 1 centavo de dólar

IBM e Intel anunciaram que vão investir até 4,4 bilhões de dólares nos próximos cinco anos, em um projeto para o desenvolvimento de uma nova geração de chips de computador.

Neste projeto, liderado pela Intel e IBM, também participará a Globalfoundries Inc, Taiwan Semiconductor Manufacturing Co, e a Samsung Electronics Co.

publicidade:

Esta nova geração de chips de computador será baseadas nas tecnologias de 22 nanômetros e 14 nanômetros. Quanto menor for o número de nanômetros, avançada é a tecnologia.

O investimento será destinado a dois projetos: uma parte do investimento será usada para fabricar a próxima geração de chips de computador, enquanto que a outra parte será destinada a transformação de wafers de 300 mm em wafers de 450 mm. Este projeto visa reduzir o tamanho da tecnologia para aumentar o número de chips de cada wafer.

Este investimento irá criar e manter cerca de 6.900 empregos no estado norte-americano de Nova Iorque.

O Estado investirá cerca de 400 milhões de dólares para apoiar este projeto, que serão utilizados principalmente na Universidade Estadual do Colégio de Nanotecnologia e Engenharia de Nova Iorque. Os centros de pesquisa localizados em Canandaigua, Utica, East Fishkill e Yorktown Heights, também receberão financiamento. Nenhuma das empresas privadas será financiada pelo Estado.

Este investimento fará com que o estado de Nova Iorque se torne o epicentro da pesquisa sobre a próxima geração de processadores para computadores, retirando o foco das atenções do conhecido Sylicon Valey, o tradicional polo de pesquisas de alta tecnologia norte-americano.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook