Atualizado em: 27 janeiro 2012

Hackers roubam informações do Norton Antivírus

A fabricante de software não quis confirmar se o ataque foi realizado pelo grupo The Lords of Dharmaraja, que assumiu a autoria da violação de segurança

norton

A Symantec, a maior fabricante de softwares de segurança, informou que um grupo de hackers expôs grande parte do código fonte do seu antivírus Norton. Este código é essencialmente o modelo de antivírus de seus produtos, e pode dar uma ideia aos seus rivais de como funciona a tecnologia da empresa.

publicidade:

O desenvolvedor do popular software antivírus Norton disse que hackers roubaram o código e o entregaram a terceiros, mas que a rede da própria empresa não tinha sido invadida e garantiu que os hackers tiveram acesso a informações da Symantec.

A fabricante de software não quis confirmar se o ataque foi realizado pelo grupo The Lords of Dharmaraja, que assumiu a autoria da violação de segurança, divulgando ainda que obteve o código fonte do antivírus ao hackear contas de militares indianos.

A Symantec minimizou os riscos, dizendo que o código foi exposto há vários anos. “A Symantec confirma que um segmento de código fonte que foi usado em dois dos seus produtos para as empresas foi exposto, mas um deles não está mais em uso”, disse o porta-voz da empresa, Cris Paden.

Governos tem acesso ao código fonte

Sede da Symantec em Mountain View, Califórnia, EUA

Sede da Symantec em Mountain View, Califórnia, EUA

Alguns governos pedem a seus provedores de segurança que lhes entreguem o código fonte dos produtos que venham a utilizar, de forma a garantir que não há nada no código que poderia atuar como spyware.

Em 2003, a Microsoft Corp, por exemplo, começou a permitir que governos, incluindo Rússia e organizações internacionais como a NATO, conhecessem o código fonte de seu sistema operacional Windows para dissipar rumores de que ele tinha uma porta de acesso secreta para o governo norte-americano espionar seus usuários.

A Symantec, que obteve 1.68 bilhões de dólares dos EUA em vendas no terceiro trimestre, se beneficiou de uma maior preocupação em relação à pirataria após a onda de ataques que atingiu a Google, Lockheed Martin e Nasdaq OMX Group.

Symantec diz que clientes não serão afetados

Symantec Norton Internet Security é um dos softwares mais populares disponíveis para deter vírus, spyware e evitar roubo de identidade on-line. “Não há nenhuma indicação de que as informações dos clientes tenham sido afetadas ou expostas neste momento”, disse Paden.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook