Atualizado em: 15 julho 2011

Futuro dos HDs seria o urânio?

Cientistas planejam usar o urânio empobrecido por suas propriedades magnéticas, porém ainda há desafios a serem enfrentados antes de se tornar uma realidade.

foto-de-nuclearSe você estiver apostando em discos de estado sólido como o personagem que irá mudar a forma como a tecnologia se desenvolve nas unidades de disco rígido, pode estar redondamente enganado. Parece que os HDs com partes móveis ainda estarão conosco por algum tempo, já que alguns pesquisadores da Universidade de Nottingham acreditam ter encontrado uma maneira de torná-los mais densos, usando urânio empobrecido.

Este material é o mesmo que é utilizada com fins militares para construir os tanques e torres de algumas armas. O truque para para poder usá-lo em dispositivos de armazenamento é mantê-lo frio. Normalmente, os átomos deste elemento não apresentam polaridade até que um campo magnético externo seja aplicado. Em baixas temperaturas, o urânio começa a mostrar essas propriedades por si mesmo. Isto significa que, enquanto o urânio estiver frio, você pode usá-lo para armazenar informações.

publicidade:

Portanto, um dos principais desafios enfrentados pelos cientista, é manter as propriedades magnéticas do urânio. Para resolver o problema, o Dr. Steve Liddle conseguiu converter uma partícula de urânio em uma molécula magnética, e duas delas para criar polo positivo e um negativo. Desta forma, pode-se usá-las para guardar dados binários (zeros e uns), que juntos, dão vida a tudo que conhecemos relacionado a tecnologia da informação.

Como sabemos, os zeros e uns são a base da tecnologia de armazenamento. Utilizar impulsos elétricos para mudar os estados magnéticos, é a forma como os dados são gravados e lidos em nossos discos rígidos. Os cientistas que pretendem usar o urânio ainda não conseguiram este feito, porém, o Dr. Liddle é otimista. Diz que é preciso fazer mais pesquisas para que seja possível construir um disco rígido de urânio. Será que ele vai conseguir, e será que teremos pequenas bombas nucleares em cada computador?

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook