Atualizado em: 29 julho 2011

Tratamentos e Sintomas da Sindrome Metabólica

Tudo sobre essa doença tão pouco percebida, mas que altera bastante o nosso organismo e o nosso metabolismo. Saiba quais são as causas, os sintomas e o tratamento.

Algumas doenças não são tão comuns como imaginamos e nem todos a conhecem, um exemplo disso é a Síndrome Metabólica. É uma doença mais desconhecida do que conhecida e que muita gente não se dá conta de que ela está presente. Por isso é bom ficar atento a possíveis aparições de sinais e sintomas e comparecer sempre ao médico para realização de exames periódicos. Saiba mais sobre a Síndrome Metabólica aqui.

O que é?

É uma doença que era antes chamada de síndrome X e é caracterizada pela associação de fatores de risco para doenças cardiovasculares, como ataques cardíacos e derrames no cérebro, doenças vasculares e diabetes. É uma doença que possui a insulina como base, fazendo com que o pâncreas passe a produzir mais e mais esse hormônio. A síndrome metabólica é uma síndrome associada à obesidade que surgiu na civilização moderna, sendo resultado de uma alimentação errada e de falta de exercício ou sedentarismo.

publicidade:

Fatores de Risco

Existem alguns fatores de risco que podem levar ou desencadear a síndrome metabólica, dentre esses fatores estão:

  • Intolerância a glicose com glicemia de 100 a 125 em jejum.
  • Hipertensão arterial
  • Altos níveis de colesterol
  • Aumento dos níveis de triglicérides
  • Obesidade
  • Ácido úrico elevado
  • Microalbuminúria (eliminação de proteína através da urina)
  • Fatores pró-trombóticos
  • Processos inflamatórios
  • Resistencia a insulina

Sintomas e Tratamento

A síndrome metabólica atinge pessoas já com idade adulta ou na meia-idade e vai aumentando progressivamente com o envelhecimento. É uma doença que acomete mais o sexo masculino, mas as mulheres também estão sujeitas, principalmente as com ovários policísticos.

Os sintomas são mascarados e poucos percebem a presença da Síndrome metabólica no organismo. Por isso é tão importante a realização de exames periódicos, pois através deles que você poderá detectar possíveis alterações no organismo. No caso da Síndrome metabólica, ela pode ser detectada através do exame de glicemia que você mesmo pode fazer com o aparelhinho necessário.

Para tratar a síndrome metabólica é preciso tratar o que causou ela, ou seja, na maioria dos casos a obesidade é a grande causadora. Então, é preciso reeducar a alimentação, transformando-a em uma alimentação balanceada, além de realizar exercícios físicos periodicamente.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook