Atualizado em: 13 fevereiro 2012

Saiba o que é workaholic

Nos últimos anos, a concorrência por um espaço no mercado de trabalho está dando espaço para uma nova doença que está atingindo muitas pessoas de diversas áreas.
Você Sabia?
Por conta da competitividade e das horas a mais no trabalho, 70% dos gestores brasileiros convivem com altos níveis de estresse, 50% são obesos, sujeitos a doenças cardíacas e diabetes, e 8% sofrem de depressão, segundo uma pesquisa.
Informações sobre Workaholic

Para tratar desse vício, a pessoa que está com essa doença tem que procurar por ajuda de especialistas e do apoio da família.

Segundo a definição encontrada no dicionário Aurélio, workaholic é uma pessoa que trabalha de forma compulsiva, deixando de lado outras atividades diárias. De acordo com os especialistas que trabalham em diversas áreas, principalmente na parte administrativa, esses indivíduos viciados acabam deixando de lado o lazer e a vida social pela dedicação plena das suas atividades profissionais, além de terem muita dificuldade de imaginar a sua vida sem o trabalho.

Você é um workaholic?

Como qualquer outro tipo de vício, a principal forma para descobrir se você está viciado no seu trabalho é quando a pessoa começa a deixar de fazer outras coisas por conta do trabalho. Para te ajudar a descobrir se você é um workkaholic, nós separamos algumas características das pessoas que tem esse vício:

publicidade:
  • usar o trabalho para fugir de assuntos pessoais ou sentimentais
  • preencher a vida pessoal com muito trabalho
  • marcar e depois cancelar vários compromissos com familiares e amigos por causa do trabalho
  • ficar muito entusiasmado ou alvoroçado para receber tarefas impossíveis de serem cumpridas
  • pensar em trabalho durante os momentos de lazer

Um dos outros sintomas secundários desse vício está ligado com a saúde do indivíduo. Por causa da sua obsessão com o trabalho, o workaholic acaba deixando de lado a sua saúde, além da sua vida social. Entre os problemas encontrados nas pessoas com esse vício, os mais comuns são a falta de nutrientes por não comer direito, o aumento considerável de peso por comer guloseimas para não perder tempo nas refeições e até o péssimo funcionamento dos rins, já que workaholic não para de trabalhar nem para ir ao banheiro.

Como tratar?

De acordo com uma matéria feita pelo jornal “O Globo”, a diretora da Anamt (Associação Nacional de Medicina do Trabalho), Marcia Bandini, conta que existem três meios essenciais para você conseguir se tratar desse vício. “Há três meios essenciais para esse profissional voltar a ter uma relação saudável com o seu trabalho. São eles: procurar um médico, normalmente um clínico; um psicólogo; e, também, buscar ajuda no seu meio social, como amigos e família. O essencial – e que precisa ser entendido – é que a relação com o trabalho pode e deve ser boa”, contou a diretora.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook