Atualizado em: 18 junho 2012

Prisão de ventre pós parto: Tratamentos e prevenções

A alimentação influencia bastante na saúde da mãe e principalmente do filho, que conforme o que é ingerido, ajuda no desenvolvimento da criança. Frutas e verduras são os mais indicados nesta fase, mas dependendo de cada uma delas, algumas podem deixar o intestino desconfortável e a sensação de pontadas.
Você Sabia?
Alimentos como nozes e castanhas não causam prisões de ventres, trazendo benefícios a mãe e ao bebê.
Prevenções de alimentos contra a prisão de ventre na gestação.

Alimentos que ajudam na prevenção da prisão de ventre.

A prisão de ventre é um dos problemas que causam desconforto intestinal. Normalmente isso ocorre mais quando o parto é feito por cesária, pois uma quantidade de sangue se encontra na área do abdômen e o hormônio, chamado progesterona, que ocorre na gestação.

A Alimetação

Ter uma boa alimentação com frutas e vitaminas sem ferro e bastante consumo de água ajudam na melhora do corpo após o parto. Evitar também fazer muito esforços físicos, mas logicamente sem ficar parada demais, pois é necessário que o organismo ajude contra alguns problemas.

publicidade:

Os exercícios assim devem ser feito no mínimo, após 6 meses do parto. Pequenos exercícios e que ajudem também em outros lados saudáveis, sem o levantamento de peso exagerado e principalmente o estresse.

Frutas e outros alimentos

Os alimentos mais indicados são aqueles que contém fibras e nutrientes, tanto para o bebê quanto para a mãe. Alimentos que contém Ômega 3, Vitamina B, Cálcio, Zinco, Magnésio, etc.

  • Frutas

Laranja, Mamão, Uva, Manga, Abacaxi, Kiwi, Damasco, Figo e Jaca.

  • Verduras e Legumes

Rúcula, Acelga, Agrião, Beterraba crua, Folha de Abóbora, Couve, Espinafre.

  • Alimentos que se devem evitar

Cafeínas e bebidas alcoólicas, salsa, menta, frituras e gordura animal devem ser cortados da lista.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook