Atualizado em: 15 fevereiro 2011


Pirâmide Alimentar Infantil

A base para uma boa saúde é a alimentação saudável.

Esta boa alimentação tem que ser dada desde que nascemos.

Em primeiro lugar a amamentação que pelo menos nos primeiros seis meses é muito importante para os bebês porque é a alimentação completa.

Dos seis meses até os 23 meses a alimentação tem que ser completa e muito bem equilibrada não faltando nenhum nutriente para que esta criança cresça saudável.

Para ajudar na boa alimentação desta fase o Departamento de Agricultura dos Estados Unidos, lançou em 1992 a Pirâmide Alimentar Infantil.

A Pirâmide divide os alimentos em grupos alimentares e em porções recomendadas para o consumo diário.

Assim, devemos incluir todos os grupos e as porções indicadas, a fim de garantir ao organismo os nutrientes que ele necessita para se ter uma boa saúde.

Os principais grupos alimentares estabelecidos pela Pirâmide Alimentar são em ordem decrescente de consumo:

  • Pães, arroz, cereais, farinhas e massas em geral (6-11 porções): alimentos fontes de carboidratos complexos, vitaminas do complexo B e fibras.
  • Hortaliças (3-5 porções) e frutas (2-4 porções): alimentos fontes de vitaminas e sais minerais e fibras.
  • Leite e derivados (2-3 porções): alimentos fontes de proteína e cálcio.
  • Carnes, aves, peixes, ovos e feijões (2-3 porções): alimentos fontes de proteína, ferro, e outros minerais.
  • Gorduras, óleos e açúcar: alimentos fontes de ácidos graxos essenciais, vitamina E (gorduras e óleos) e energia. Por serem excessivamente calóricos devem ser consumidos moderadamente.

Assim, observamos que somente com mudança de hábitos alimentares e reformulação/ adequação da nossa dieta, de acordo com o modelo proposto pela Pirâmide Alimentar, poderemos alcançar uma alimentação com qualidade e mais saúde.

Criança bem alimentada cresce feliz, saudável e inteligente!

Fonte

Site do Terra – Saúde


Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook