Atualizado em: 20 dezembro 2012

O que é Daltonismo: Saiba distinguir desde cedo

Daltonismo caso você não saiba, é uma perturbação da percepção visual caracterizada pela incapacidade de diferenciar todas ou algumas cores
Você Sabia?
Que distúrbio era desconhecido até o século XVIII, recebeu esse nome em homenagem ao químico John Dalton, que foi o primeiro cientista a estudar a anomalia de que ele mesmo era portador.
daltonismo1

Daltonismo é uma perturbação da percepção visual

Um olho saudável é capaz de distinguir 15 mil tonalidades, com a visão colorida a assentar na percepção de três cores fundamentais – o azul, o verde e o vermelho. Mas há pessoas cuja visão colorida sofreu uma modificação, pelo que apenas distinguem duas dessas cores.

O que é Daltonismo

São pessoas daltônicas. O mais frequente é que não diferenciem o verde do vermelho, reconhecendo somente o amarelo e o azul-violeta. Mas também acontece que confundam o azul e o amarelo, embora esta forma de daltonismo seja mais invulgar.

publicidade:

O que acontece é que, numa pessoa daltônica, há cones que funcionam mal ou simplesmente não existem, pelo que o cérebro não recebe a informação que lhes permite descodificar a respectiva cor. Normalmente, apenas um tipo deles está ausente – quase sempre o vermelho, mais raramente o azul ou o verde.

Como Distinguir a Daltonismo

Há alguns sinais que denunciam daltonismo numa criança. Cabe aos pais estarem atentos: porque o mais provável é o filho errar na atribuição das cores, nomeadamente quando desenha ou quando se veste. Normalmente, o verde torna-se cinzento e o vermelho mascara-se de verde. Na escola nem sempre é fácil a vida de um pequeno daltónico.

Quando a actividade que lhe é proposta implica escolher cores, ele sente certamente dificuldade e baralha-se. Nos cadernos e lápis é sempre possível colar etiquetas, para que ele não se engane. Mas nas aulas de geografia, de química ou de expressão artística poderá ser mais difícil, pelo que os professores devem ser alertados.

Também na rua, a confusão entre cores pode dar origem a incidentes, nomeadamente a atravessar uma passadeira: como uma criança daltônica não distingue o vermelho do verde, convém fazê-la memorizar a posição das cores no semáforo ou identificar a figura luminosa e guiar-se pelos respectivos movimentos.

Vídeo sobre Daltonismo

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook