Atualizado em: 12 janeiro 2011

Norfloxacino Floxacin | Bula e Posologia

O Norfloxacino é um medicamento antibiótico de administração oral.

publicidade:

– Posologia
Primeiramente, deve-se testar a sensibilidade do agente causador à Floxacin, entretanto, a terapia pode ser iniciada antes dos resultados desses testes. Tratamento: infecção do trato urinário: 400 mg 12/12 h durante 7-10 dias. Cisitite aguda não complicada: 400 mg 12/12 h durante 3-7 dias. Infecção do trato urinário crônica revidivante (se for obtida supressão adequada dentro de 4 semanas de tratamento, a dose de Floxacin pode ser reduzida para 400 mg ao dia): 400 mg 12/12 h até 12 semanas (para os casos de prostatite crônica, o tratamento por 4 semanas tem-se apresentado bastante eficaz). Gastrenterite bacteriana aguda: 400 mg 12/12 h durante 5 dias. Uretrite, faringite, proctite ou cervicite gonocócica agudas: 800 mg em dose única. Febre tifóide: 400 mg 8/8 h durante 14 dias. Profilaxia: sepse da neutropenia: 400 mg 8/8 h enquanto houver a neutropenia (até o momento não há dados disponíveis para recomendar o tratamento além de 8 semanas). Gastrenterite bacteriana: 400 mg/dia, iniciar 24 horas antes da chegada e continuar 48 horas após a saída de áreas endêmicas.

Pacientes com insuficiência renal: Floxacin é adequado para o tratamento de pacientes com insuficiência renal. Nos pacientes com clearance de creatinina inferior a 30 ml por minuto/1,73 m2, mas que não faziam hemodiálise, a meia-vida plasmática média de Floxacin foi de 8 horas. Estudos clínicos não mostraram diferenças na vida média de Floxacin em pacientes com clearance de creatinina inferior a 10 ml/min/1,73 m2, em comparação com aqueles com clearance entre 10 e 30 ml/min/1,73 m2. Portanto, nesses casos, a dose recomendada é de 1 comprimido de 400 mg 1 vez ao dia. Nessa posologia, as concentrações nos fluídos e tecidos apropriados excedem as CIMs da maioria dos patógenos sensíveis ao norfloxacino. Não há dados suficientes para recomendar uma posologia para o tratamento da gonorréia em pacientes com clearance de creatinina de 30 ml/min/1,73 m2 ou menos.

Floxacin não foi estudado em pacientes com febre tifóide, com clearance de creatinina abaixo de 30 ml/min/1,73 m2. – Superdosagem: não há informação específica relativa ao tratamento na superdosagem de Floxacin. Deve-se manter hidratação adequada. Em caso de superdosagem aguda, deve-se esvaziar o estômago por vômito ou lavagem gástrica. Observar cuidadosamente o paciente e ministrar tratamento sintomático e de apoio.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook