Atualizado em: 27 agosto 2012

Jack Andraka: Tudo sobre este Garoto de 15 anos

Jack Andraka, é um aluno do ensino médio, onde recebeu o primeiro prêmio de uma das maiores feiras de ciências do mundo, organizada pela multinacional fabricante de chips e outros componentes eletrônicos Intel.
Você Sabia?
Que Jack Andraka é um garoto americano de 15 anos filho de pai polonês e mãe inglesa, seu feito foi desenvolver um teste simples e barato para fazer o diagnóstico precoce de três tipos de câncer, incluido o do pâncreas, um dos mais letais.

Jack Andraka conhecido por mudar a vida de milhares de pessoas.

Um garoto de apenas 15 anos de idade pode mudar a vida de milhões de pessoas ao redor do mundo inteiro que sofrem, ou que poderão sofrer, da pior doença de nossos tempos: O Câncer. Jack Andraka venceu este ano uma Feira Internacional de Ciencia e Engenharia da Intel com um equipamento que teria a capacidade de detectar o câncer de pâncreas, um dos tipos mais comuns e que também mais levam a morte no mundo inteiro.

O equipamento inventado pelo garoto permite que detecte a doença 68 vezes mais rápido do que os métodos disponíveis hoje em dia, com maior possibilidade de acerto do diagnóstico e também utilizando um método muito mais barato.

publicidade:

Histórico de doença na família motivou o garoto

Jack não pesquisou e inventou o método a toa, ele teve uma grande motivação para tentar ajudar as outras pessoas que tenham câncer de pâncreas. Um familiar do jovem acabou morrendo vítima deste tipo de tumor, e um dos motivos foi que não se teve um diagnostico rápido da doença. O objetivo do jovem, a partir de então, foi tentar descobrir uma forma de se detectar a presença da doença antes que ela estivesse suficientemente desenvolvida a ponto de se espalhar por outros órgãos do corpo humano.

O garoto acabou se municiando de muita vontade, curiosidade e também um conhecimento cientifico que é muito incomum para garotos da mesma idade dele. Através de conceitos que estudou nas aulas de biologia e também com um artigo que tinha lido sobre os nanotubos, que são estruturas que são menores do que a espessura de um fio de cabelo, conseguiu colocar a invenção em prática.

Como funciona o Teste?

O adolescente conseguiu criar um sensor que permite com que as pessoas testem a urina ou o sangue. se o resultado for positivo para a proteína mesotelina, indica que o paciente tem câncer no pâncreas. A tira de papel utilizada, muda conforme a quantidade da proteína no sangue e isso pode, de acordo com Andraka, detectar o câncer antes mesmo dele se tornar invasivo.

Fotos de Jack Andraka

Jack_Andraka_p__sce_643574ajack7Intel®  International Science and Engineering Fair® (Intel ISEF) 2012jack5jack4jack3jack2jackJack Andraka 2

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook