Atualizado em: 1 agosto 2011


As diferenças e como funciona a imunização ativa e passiva

Saiba o que é Imunização Ativa e Imunização Passiva. Conheça as diferenças entre elas e saiba também da importância que as duas possuem na vida do ser humano.
A vacina tem sido o melhor meio de prevenção de diversas doenças. Todo ano existem campanhas de vacinação para poder prevenir a população de doenças que existem e que podem até levar a morte. Muitos não sabem como funciona a vacina e como ela age. Existem duas formas de se imunizar, a imunização ativa e a imunização passiva. Saiba mais sobre as duas e suas principais diferenças.

Imunização ativa

A imunização ativa é quando o próprio sistema imunológico responde ao entrar em contato com uma substancia estranha no organismo, produzindo anticorpos e células imunes para proteger o organismo de alguma ameaça. É o tipo de imunização que dura por vários anos e muitas vezes dura pela vida toda. Existem dois meios de se adquirir imunidade a uma doença, ou quando se contrai a doença ou através da vacinação direta. Por exemplo, quando temos caxumba uma vez não teremos mais, pois nosso corpo já criou anticorpos para destruir o agente causador da caxumba. E através da vacina, é quando não foi preciso adquirir a doença e a criança recebeu a vacina como tipo de prevenção.

Imunização passiva

Essa imunização é o tipo de imunização que é adquirida através da transferência à criança de anticorpos produzidos por um animal ou por um homem. É o tipo de imunidade que produz uma rápida proteção ao indivíduo e que é temporária, durando algumas semanas ou meses. É o tipo de imunização mais comum e que se caracteriza pela passagem de anticorpos da mãe para o feto via placenta. Transferência essa que ocorre nos últimos 2 meses de gestação, para garantir uma boa imunidade à criança.

A imunidade passiva artificial pode ser adquirida sob três formas principais: através da imunoglobulina humana combinada, a imunoglobulina humana hiperimune e o soro heterólogo. A transfusão de sangue é uma outra forma de se adquirir imunidade passiva, já que, virtualmente, todos os tipos de produtos sanguíneos que contêm anticorpos.

Independente do tipo de imunização, é preciso que haja para que o organismo possa se proteger de alguma forma das ameaças de vírus e outros agentes que causam doenças.


Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook