Atualizado em: 18 outubro 2011

Fumar pode causar menopausa precoce em mulheres

O tabagismo tem um efeito na forma como o corpo das mulheres produz e usa o estrogênio. Além disso, o cigarro possui certos componentes que podem matar os óvulos, o que faz com que o período de menopausa seja precoce.

A grande maioria dos fumantes sabe o mal que o cigarro traz a saúde e o quão prejudicial que este vício pode ser. Além da dependência física e química, o cigarro traz o vício com relação ao hábito de fumar, onde muitas vezes pessoas acabam se perdendo e não conseguindo sair mais do vício.

Tabagismo causa menopausa precoce

O cigarro possui componentes que são responsáveis por causar a morte de óvulos, o que faz com que a mulher entre mais cedo na tão temida menopausa. (Foto: Divulgação)

O cigarro possui substâncias que causam malefícios a todos os sistema do organismo. Além de ser responsável por trazer prejuízos maiores para as mulheres, como em relação a precocidade da menopausa. Isso mesmo. Fumar pode adiantar a tão temida menopausa.

publicidade:

Tabagismo x Menopausa

Além dos problemas que já se conhece que são causados pela interação do cigarro com os hormônios, outros parecem ser novidade entre as mulheres fumantes. É fato que o cigarro está entre os fatores de riscos de qualquer doença, seja ela cardíaca e principalmente pulmonar. Além disso, o tabagismo pode influenciar diretamente na produção de hormônios e de óvulos, antecedendo o período da menopausa.

Em estudos realizados com mulheres fumantes e não fumantes chegou-se a conclusão que as mulheres fumantes atingem a menopausa um ano antes do que as mulheres não fumantes. O ultimo estudo foi realizado pela Universidade de Hong Kong, onde foram estudadas 6 mil mulheres nos Estados Unidos, na Polônia, Turquia e Irã. O adiantamento da menopausa pode aumentar os riscos de doença cardiovascular, diabetes, osteoporose, obesidade e mal de Alzheimer.

Estudos Comprovam

[share]De acordo com o estudo, as fumantes entraram na menopausa entre os 46 e os 51 anos de idade, onde os ovários pararam de produzir óvulos. Em outros estudos, um grupo de 43 mil mulheres fumantes apresentavam 43% de mais probabilidades de chegar à menopausa antes do período comum e normal. Todos os estudos comprovam que tanto atingir a menopausa precocemente como tardiamente aumentam as chances de adquirir doenças como câncer de mama. Isso acontece porque nos dois casos as mulheres ficam mais tempo expostas ao hormônio estrogênio.

O que pode justificar a interação do tabaco com a menopausa precoce é que o tabagismo tem um efeito na forma como o corpo das mulheres produz e usa o estrogênio. Além disso, o cigarro possui certos componentes que podem matar os óvulos. Por isso, é muito importante que haja a conscientização sobre o mal que o cigarro faz e buscar soluções para conseguir parar de fumar, seja através de campanhas de combate ao fumo ou pela nossa própria consciência. O cigarro não fumado hoje, nos dá a saúde de amanhã.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook