Atualizado em: 18 fevereiro 2011

Estrias em Homens

Seria não apenas preconceituoso como extremamente errôneo afirmar que não há inseguranças de um homem em relação ao seu corpo. No caso de estrias, é também senso comum cogitar que é um problema que não deveria ocorrer em homens, muito embora seja mais rotineiro do que dita a lógica prosaica.

publicidade:

O aparecimento de estrias nada mais é do que o rompimento de fibras elásticas colágenas da pele e não está necessariamente relacionado ao nível de gordura e sim a musculação excessiva, alterações hormonais, crescimento rápido nos adolescentes, gravidez e, enfim, aumento de peso. Como se trata de uma quebra de fibras, não existe cura para as estrias, apenas um tratamento para amenização e prevenções, tais como a prática regular de exercícios, uma alimentação bem distribuída, para que não falte nenhum nutriente, e o acompanhamento médico para verificar se todos os seus hormônios estão bem regulados.

“Imagine um elástico. Se você esticá-lo além da conta, ele arrebenta. O mesmo acontece com a nossa pele. As estrias nada mais são do que fibras elásticas rompidas”, segundo a Dra. Maria Cristina Belotti, pós-graduada em Medicina Estética.

O surgimento de estrias em homens é, de fato, menos freqüente do que em mulheres, por não estarem sujeitos à gravidez e flutuações hormonais tão intensas. Mas não deve ser tratado como algo condenável ao visual masculino, assim como não deveria ser para o feminino. Caso você realmente não se sinta confortável com a aparência das estrias, procure seu médico para saber a respeito de tratamentos de peeling e injeção de colágeno, que não prometem uma cura, porém podem suavizar o aspecto das estrias.

Leonardo Telles Bigio

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook