Atualizado em: 30 julho 2012

Doação de medula óssea: Saiba os riscos e se dói

Salvar vidas é um ato de carinho e amor ao próximo. Um dos processos mais difíceis para salvar uma é de medula óssea. Milhares de pacientes esperam ou morrem por conta da falta de incompatibilidade de medula óssea. Para encontrar a compatibilidade é preciso pesquisar o banco de dados.
Você Sabia?
O REDOME foi criado pelo INCA (Instituto Nacional do Câncer). O INCA foi criado em 1991 e ajuda no controle contra o câncer. Ele também promove eventos, como por exemplo o "Com Você, Pela Vida", desde 2009.
Doação de medula óssea

O número de doadores no Brasil é menor que o esperado, por conta da incompatibilidade de medula óssea.

A doação da medula óssea pode ser feita por qualquer tipo de pessoa. O grande problema nisso é incompatibilidade entre paciente e doadores. O número de compatibilidade são muito pequenos.

Para cada 100.000 que são pacientes, apenas 1 deles é compatível. As causas de morte por leucemia são muito comuns, já que a grande maioria não consegue encontrar um doador que tenha a medula óssea como a sua.

publicidade:

O que é Medula óssea?

A medula óssea é como um líquido gelatinoso, localizado no interior dos ossos. A medula óssea produz dois componentes: as hemácias (glóbulos vermelhos) e os leucócitos (glóbulos brancos).

As hemácias tem como função de transportar o oxigênio do pulmão e enviá-lo a todas as células do organismo. Os leucócitos são muito importantes para nosso organismo. Eles ajudam nosso corpo a ficar longe de doenças e infecções.

Tornando-se um Doador

Para ser um doador, não é uma coisa fácil. Por com da falta de compatibilidade, o número de pacientes que podem receber a medula óssea são mínimas. Por isso, quanto maior o número de brasileiros para a doação, maior as chances de salvar uma vida.

Para se tornar um doador, é preciso encontrar alguém que seja compatível, fazendo um cadastro no REDOME (Registro Nacional de Doadores de Medula Óssea). Para se tornar um doador, é necessário obedecer algumas restrições:

  • Ser maior de 18 e menor que 55 anos de idade;
  • Pesar acima de 50 kg;
  • Não ter contraído hepatite após os 10 anos de idade;
  • Não ter Hepatite, HIV ou Câncer.

O processo de doação não é doloroso e o transplante é feito de acordo com o que precisa-se no momento. A doação de medula óssea é feita para dois tipos de doença: a Anemia Aplástica Grave e a Leucemia. A anemia aplástica é causada pela falta de produção de células no sangue.

Já a leucemia, é um câncer que afeta os leucócitos. O risco de mortes de pacientes não depende apenas do número de doadores e a compatibilidade entre eles, mas também pelo nível da doença.

Sites para fazer cadastros e torna-se um doador

Processo de Doação de Medula Óssea

Doação de Medula Óssea

O Câncer de Reinaldo Gianecchini

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook