Atualizado em: 14 setembro 2012

Depressão e Aumento de Peso: Mitos e Verdades

Entenda um pouco mais sobre o assunto e saiba como é possível evitar os males à sua saúde.
Você Sabia?
A depressão mexe com várias partes do corpo, mas é a cabeça que necessita urgentemente ser mudado. Os problemas que atormentam psicologicamente são os que mais levam as pessoas a apresentarem esse quadro clínico.
 Depressão e Aumento de Peso

O ganho de peso tem relação com a depressão. (Foto: Divulgação)

A depressão pode sim estar intimamente ligada ao aumento de peso. Algumas pessoas por estarem depressivas ganham uns quilos pelo fato de descontarem na comida todas as suas angústias, medos e aflições.

Tanto em homens quanto em mulheres a depressão causa distúrbios emocionais que podem desestabilizar os hormônios e levar ao aumento de peso. Isso é justificado e observado como desequilíbrio emocional.

publicidade:

Por conta de fatores levantados através de estudos realizados por universidades holandesas essa situação acontece.

Depressão Causa Aumento de Peso

Muitas pessoas comem compulsivamente para afastar pensamentos ruins, remediar aflições, substituir falta de carinho ou por qualquer outro motivo que as desestabilize emocionalmente. Assim o ganho de peso é eminente.

Obesidade que leva à depressão

A obesidade é um dos fatores mais considerados quando o assunto é depressão e baixa estima. Ela afeta as pessoas tanto fisicamente quanto psiquicamente alterando assim o metabolismo humano e provocando crises desesperadoras.

Antidepressivos que causam sobrepeso

Alguns antidepressivos podem aumentar o apetite do paciente ou causar desanimo, quando isso acontece ganhar peso é quase certo, pois a pessoa come muito mais do que está acostumada e ainda não pratica exercícios físicos.

Vídeo sobre a Depressão e Aumento de Peso

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook