Atualizado em: 26 fevereiro 2013

Como evitar a perda muscular: Quais as principais causas

Os suplementos nutricionais, como a vitamina D, a acetil-l-carnitina, o aminoácido glutamina, o óleo de peixe, e a creatina também podem auxiliar na prevenção da perda muscular.
Você Sabia?
Que o corpo humano possui aproximadamente 650 músculos esqueléticos. Usamos aproximadamente 200 músculos para andar.
Como-evitar-a-perda-de-energia-na-dieta

Saiba como evitar perda muscular e acúmulo de gordura ao longo da vida.

A perda muscular pode ser ocasionada por diversos fatores, sendo que entre as causas mais frequentes podemos citar, a baixa ingestão de proteínas na alimentação.

O que além da perda muscular pode causar perda de peso, anemia, edema, fraqueza e em crianças e adolescentes inibe o crescimento adequado.

publicidade:

Como Evitar a Perda Muscular

As proteínas de origem animal, carnes, ovos e leite, não são a única fonte de proteína que devem ser consumidos. Os vegetais também são grandes fontes de proteína.

Os Vegetais como feijão, ervilha, lentilha e as vagens são ricas neste nutriente e suprem de maneira substancial e efetiva a carência de carne na alimentação dessas pessoas. Consumindo de forma corriqueira os alimentos descritos, as chances de sofrer de perda muscular ou os demais males são quase nulos,

O envelhecimento: A partir dos 40 anos há uma perda progressiva e acelerada da perda de massa muscular, sendo que nos homens a perda é maior o que pode ser explicado pela menor quantidade de massa muscular das mulheres.

Evitar a Perda Muscular devido ao Envelhecimento

Para se evitar a perda muscular com o avanço da idade é fundamental uma alimentação adequada, que viabilize o suporte das proteínas necessárias e a implementação de atividades físicas regulares para conseguirmos preservar a musculatura mesmo com o avanço da idade.. Além da musculação, as modalidades mais benéficas são as caminhadas, a natação, a hidroginástica, as atividades de dança e os jogos coletivos.

Como podemos ver a perda muscular pode ser evita ou pelo menos amenizada em grande parte, se a pessoa tiver um alimentação muito bem equilibrada, associada a atividades físicas constantes. E a melhor atitude é não deixar para fazer isso somente quando surgir a perda muscular, mas começar a cuidar de si e da sua saúde desde cedo.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook