Modificado em: 14 junho 2012

Cloridrato de ciclobenzaprina: Indicações, bula e efeitos colaterais

Se você sofre com problemas de dores musculares, aprenda um pouco mais sobre o Cloridrato de Ciclobenzaprina, saiba suas Indicações, e efeitos colaterais através da bula.
Você Sabia?
O Cloridrato de Ciclobenzaprina trata-se de um medicamento muito forte, profissionais alertam, caso estejam tomando este remédio diariamente, é necessário que se ausentem de certas atividades diárias como por exemplo em dirigir veículos e/ou operar máquinas, pois a sua habilidade e atenção podem estar lentas.
Cloridrato de ciclobenzaprina: Indicações, bula e efeitos colaterais

Foto Divulgação: (Cloridrato de Ciclobenzaprina ).

Como todos devem saber, o Cloridrato de Ciclobenzaprina é um remédio que se exija cautela ao ser utilizado, ou seja, assim como outros medicamentos, este também é um dos que se deva esperar a receita do médico para que possa ser consumido.

Bula

O Cloridrato de Ciclobenzaprina para quem nunca precisou consumir, é um relaxante muscular, algo que é bastante utilizado para o tratamento dos espasmos musculares e que estão associados com a dor aguda e de origem músculo-esquelética, sendo necessário obter cuidados até mesmo na hora de armazená-lo em algum determinado local.

O Cloridrato de Ciclobenzaprina deve ser mantido em sua embalagem original, na temperatura ambiente (entre 15º C e 30º C). Proteger da umidade.

  • O uso de cápsulas (Uso aduto): Cartuchos contendo 20 cápsulas.
  • Solução Injetável (Uso adulto e pediátrico): Caixas com 6 e 50 ampolas de 2 ml.
  • Solução oral (Uso adulto e pediátrico): Frascos com 120 ml acompanhados de medidor graduado para 2,5 – 5,0 – 7,5 e 10 ml.
  • Gotas pediátricas: Frascos com 20 ml acompanhados de conta-gotas.

- No caso dos comprimidos revestidos, eles tem um prazo de 24 meses de duração, vale lembrar, nada de usufruir do medicamento que esteja vencido, o uso pode ser prejudicial à sua saúde.

As Indicações

Como qualquer outro medicamento, o Cloridrato de Ciclobenzaprina também oferece as suas contra indicações. De acordo com informações, ele é indicado para o tratamento dos espasmos musculares que estão associados com dor aguda e de etiologia músculo esquelética, dores de lombalgias, torcicolos, fibromialgia, periartrite escapuloumeral, cervicobraquialgias.

Efeitos colaterais

Para qualquer tipo de medicamento, é necessário que haja o acompanhamento médico, e no caso deste, seus efeitos colaterais são em muitos casos a sonolência, secura de boca e vertigem, algumas pessoas podem sofrer com a fadiga, debilidade, astenia, náuseas, constipação, dispepsia, sabor desagradável, visão borrosa, cefaléia, nervosismo e confusão.

  • Clique aqui para saber detalhes!

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook