Atualizado em: 9 julho 2011

Central de Vagas de UTI Online

A primeira central online de vagas de urgência e emergência pelo SUS (Sistema Único de Saúde) foi entregue nesta última quinta-feira dia 7 pelo governador Alckmin.

Sistema Único de SaúdeA primeira central online de vagas de urgência e emergência pelo SUS (Sistema Único de Saúde) tem como objetivo verificar a disponibilidade de vagas e acelerar a transferência de pacientes com doenças graves e que necessitam dos cuidados da UTI (Unidade de Terapia Intensiva) ou cirurgias mais complexas como as cardíacas ou neurológicas.

Um sistema de saúde integrado é um exemplo de informatização que diminui o tempo de atendimento, agiliza os tratamentos, principalmente as emergências e os mais urgentes. Além de localizar vagas com mais rapidez, indicar os locais mais próximos para neurocirurgias, traumas e terapias intensivas, o sistema é integrado a todos os AMEs e os outros ambulatórios.

publicidade:

AlckminA Cross (Central de Regulação de Ofertas de Serviços de Saude), vinculada à Secretaria de Saúde e instalada em um andar completo do edifício Andraus no centro da cidade de São Paulo, irá monitorar o fluxo de urgência e emergência no estado de São Paulo. Todos os hospitais e serviços de saúde atendidos pelo SUS estarão em contato com a Cross.

Na cidade de São Paulo e em outros municípios paulistas há centrais que controlam o remanejamento de pacientes entre hospitais, porém, perante a necessidade de vagas na região, a Secretaria deverá ser acionada. Segundo Giovanni Guido Cerri: “Trata-se de um importante instrumento para garantir a rápida disponibilização de leitos de UTI e outras vagas de emergência no Estado, expandindo possibilidades e integrando os serviços de saúde com o objetivo de salvar vidas”.

A Cross possui uma equipe de aproximadamente 200 profissionais, dos quais cerca de 100 são médicos, cerca de 50 são técnicos auxiliares e os outros cerca de 50 são técnicos em informática e atendentes. Os profissionais revezarão em escala 24 horas por dia, sete dias na semana, fazendo atendimento às solicitações que venham a surgir. Estas solicitações poderão ser feitas via telefone ou internet e serão classificadas de acordo com o grau de risco e urgência numa escala que varia de 1 a 4.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook