Atualizado em: 14 junho 2011

Prevenção de Câncer de Ovário

Entenda mais sobre o seu corpo e saiba como tomar certas medidas para evitar algumas doenças como o câncer de ovário. Veja como prevenir e se cuidar.

Não tem nada mais importante do que cuidar da saúde. Muitas pessoas acabam procurando ajuda médica somente quando estão sentindo dores ou com algum mal estar forte, esse é um dos principais erros que a população comete. Por isso, que quando muitas pessoas vão ao médico referindo sentir dor, descobrem algo que já está em um grau avançado e que consequentemente terá menos eficácia do tratamento. É baseado nisso que afirmamos e levantamos a importância que a prevenção tem. Existem doenças que se houvesse prevenção não seriam vistas como tremendas ameaças, como o Câncer, por exemplo. Nos homens podendo atingir testículos, próstata. Nas mulheres podendo atingir o ovário, útero e outras localidades do corpo. Com prevenção, tudo se torna mais controlável, saiba como tendo como base o câncer em ovários.

publicidade:

Os ovários

Os ovários nada mais são do que glândulas que são responsáveis por produzir os hormônios femininos. Cada mulher possui dois ovários normalmente que estão ligados ao útero através das trompas. Os hormônios que são produzidos pelos ovários são o estrogênio e a progesterona que são os hormônios que controlam o ciclo menstrual e também são responsáveis pela produção e armazenamento dos óvulos. A cada ciclo menstrual os óvulos são liberados, seguindo até o útero através das trompas. Após sua chegada ao útero, o óvulo se fixa na parede e é alí que se desenvolve o bebê.

O câncer nos ovários

O câncer de ovário acaba acometendo mulheres acima de 40 anos de idade, podendo ocorrer em qualquer faixa etária. Dentre os tipos de canceres que atingem as mulheres, é a quarta causa de morte por câncer, isso tudo devido a um diagnóstico tardio. Todos os sintomas que são apresentados na mulher com câncer de ovário, são de aparecimento tardio, dificultando ainda mais no seu diagnóstico. Por isso, deve-se ficar atenta e realizar visitas periódicas ao ginecologista para se certificar que tudo está bem.

Prevenção

Assim como a maioria dos cânceres, o câncer de ovário também possui diversos fatores de risco, que são uma chance e um modo para que a mulher não desenvolva esse tipo de câncer. Há também diversos fatores de proteção, ou seja, alguns fatores que fazem parte da vida da mulher ao qual a mulher vive exposta, podendo modificar esses hábitos, se expondo menos e se prevenindo.

Os fatores de risco que podem levar ao câncer, são aqueles que fazem parte do hábito alimentar de cada mulher e de sua história ginecológica. As mulheres que possuem o hábito de comer alimentos que são ricos em gordura animal possuem mais chance e correm mais risco de ter esse tipo de câncer. É preciso que haja uma reeducação alimentar, principalmente após a menopausa. Tente se manter no seu peso ideal e coma alimentos pobre em gordura.

Outro fator de prevenção são as mulheres que já tiveram pelo menos um filho e que amamentou seu filho ou aquelas que fizeram ligadura das trompas ou que fizeram histerectomia. Essas mulheres possuem menor chance de desenvolver um câncer nos ovários.

O importante é se prevenir e realizar consultas periódicas ao seu ginecologista. Lembre-se “é melhor prevenir, do que remediar”.

 

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook