Bursite no Quadril

Engana-se quem pensa que alguns problemas limitam-se a uma determinada região. Por exemplo, a bursite. Muitas pessoas acreditam que a bursite é algo que só ocorre no ombro, o que é um erro, pois no quadril também há a presença de uma Bursa que pode se inflamar e ocasionar a Bursite. Saiba mais sobre a bursite no quadril.

O que é?

Bursa é uma estrutura que está fixada nas articulações e tem como função a lubrificação para diminuir o atrito entre as estruturas que estão presentes em toda a articulação. Quando essa Bursa ou bolsa sinovial está inflamada é provoca o que chamamos de bursite, que é o que ocasiona as dores e prejudicam na função da articulação, causando diversos prejuízos principalmente em casos de afetar atletas.

O quadril é formado por cabeça do fêmur e cavidade acetabular da pelve. O quadril é uma articulação que tem como função transferir o peso do corpo do tronco para os membros inferiores, também possibilita a mudança de diversas posturas, permitindo que o corpo adote certas posturas e realize certos movimentos, como andar e correr. O impacto causado frequentemente no quadril e proporcionando atrito entre as estruturas, faz com que haja a inflamação da Bursa, ocasionando na bursite, lesão muito comum no quadril.

Tipos de Bursite

Existem três tipos de bursite, ou melhor, três localidades em que as bursites de quadril podem ocorrer, a bursite troncantérica, bursite isquiática e bursite iliopectínia. Conheça cada tipo agora.

Bursite trocantérica

Dentre as bursites do quadril, a bursite trocantérica é a mais comum. A inflamação ocorre na Bursa que está localizada no trocanter maior do fêmur. O trocanter maior é um acidente ósseo aonde está localizada a inserção e por onde passam alguns músculos como glúteo médio e o tensor da fáscia lata. Entre esses dois músculos está localizada a Bursa. A inflamação da Bursa pode ocorrer por um trauma direto ou por alguma sobrecarga que gera um estresse.

 

 

Bursite Isquiática

Essa Bursa está localizada entre a tuberosidade do ísquio e o músculo glúteo máximo. Essa bursite é característica de pessoas que passam grande parte do seu tempo sentadas. O aparecimento dessa Bursa em atletas é na maioria das vezes causada por trauma direto.

Sinais Clínicos: O paciente vai apresentar dor na região lateral do quadril região do trocanter). Pode haver irradiação para parte lateral ou póstero – lateral da coxa. Dor é gerado pelos movimentos do quadril, em especial ao andar ou subir escadas. Se muito forte pode perturbar o sono se o paciente se deitar para o lado afetado. O curso dos sintomas é prolongado ou exacerbado em função da atividade praticada. O paciente refere dor à palpação sobre o local acometido.

Sinais e sintomas: O atleta/desportista pode sentir dor durante a marcha quando o quadril se encontra em flexão. Subir escadas, caminhar e subir em terrenos íngrimes e aclives também podem produzir dor. Com o quadril em flexão o atleta/desportista pode referir dor à palpação.

Bursite Iliopectínea

É uma bursite que na maioria das vezes é confundida com o estiramento do músculo psoas. Para diferenciar essas lesões é preciso que sejam feitos exames complementares para poder verificar os dados clínicos. Essa bursite é causada geralmente por encurtamento do músculo psoas ou também pode ser uma lesão decorrente de uma osteoartrite de quadril.

Sinais, Sintomas e Tratamento

Normalmente, que possui alguma bursite de quadril refere dor na região lateral do quadril, na região do trocanter. Essa dor pode se irradiar para a parte lateral ou póstero da coxa. Ao realizar movimentos como subir escadas ou até mesmo no andar, a dor pode se acentuar e muitas vezes incapacitante. Dor a palpação também é muito comum.

O melhor tratamento é com a Fisioterapia. Exercícios de fortalecimento, diversos alongamentos irão aliviar as dores sentidas pela bursite. Outras coisas para aliviar a dor envolvem: repouso, gelo, eletroterapia e administração de medicamentos anti-inflamatórios. Existem também algumas receitas caseiras para melhora da dor, como a Sucupira, que é um medicamento natural preparado como chá e a Parafina também pode ser usada visando uma melhora da dor.