Atualizado em: 10 julho 2011

Tratamentos para Alergias Respiratórias

Todas as informações sobre alergias respiratórias. Enfermidades tão comuns que afetam grande parte da população e que se agravam com a umidade baixa e com o inverno.

Muitas pessoas só de mudar de ambiente acabam se sentindo mal e tendo sua alergia atacada. Existem pessoas que são alérgicas a muita coisa diferente, mas os casos na sua grande maioria são de pessoas com alergias respiratórias, como a rinite, por exemplo. Com a chegada do inverno e com a umidade do ar baixa, as alergias respiratórias se manifestam mais e acaba deixando muita gente de cama. Saiba mais sobre essas alergias aqui.

O que é?

A alergia é um estado em que o organismo se apresenta de um modo defensivo, ou seja, apresenta uma resposta imunológica exacerbada após a presença de um agente alérgico no ar, causando assim, alterações indesejáveis. A maioria das pessoas possui alergia a partículas de pó, alimentos, esporos de fungos, látex, medicamentos, pólens, veneno de insetos, pêlos de animais, entre outros. Existem diversos tipos de alergias e as que afetam o sistema respiratório são chamadas de alergias respiratórias.

publicidade:

Como é adquirida?

As alergias possuem uma origem multifatorial e bem complexa, podendo ser adquirida de maneira genética que pode ser exacerbada frente a uma situação que ocorre no ambiente. Uma das alergias que é mais comum é a rinite alérgica. Diversos fatores podem favorecer ao aparecimento da rinite, como: tabagismo passivo, história de alergias em parentes em primeiro grau, a exposição a animais (pêlos de gato, cachorro e etc), pouco tempo de aleitamento materno, entre outros.

A resposta do corpo a exposição do agente alérgico faz com que a reação alérgica apareça, pois o corpo funciona como um falso alarme na presença de um agente alérgico. Ao entrar em contato com esse agente, o sistema imune acaba gerando grande quantidade de anticorpo, para diversos tipos de agentes alérgicos que não temos. Além disso, após o contato do agente com o anticorpo, o corpo produz diversos elementos químicos que começam a agir em várias partes do nosso corpo, por isso sofremos algumas alterações que são conhecidas como reação alérgica.

Sintomas

  • Espirros
  • Coriza
  • Obstrução nasal
  • Tosse
  • Olhos, nariz e garganta avermelhados
  • Chiado no peito

Tratamento

O tratamento é baseado na imunoterapia, que é a utilização de injeções com o elemento que provoca a energia tendo como objetivo a adequação do corpo frente aquela substancia. O tratamento mais utilizado é a ingestão de medicamentos antialérgicos receitados pelo médico.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook