Atualizado em: 9 março 2014

Origem dos 10 Mandamentos

Muitas pessoas até sabem quais são os 10 Mandamentos, mas desconhecem sua origem e por isso vocês poderão saber sobre isso além de poderem relembrar todos eles.
Você Sabia?
Embora apenas os primeiros quatro mandamentos sejam diretamente ligados com a crença religiosa e a adoração, os outros mandamentos mostravam a conexão entre a conduta adequada e o correto relacionamento com o Criador.
Os 10 Mandamentos são ensinamentos que devem ser seguidos por todas as pessoas independente da religião ( Foto: Divulgação)

Os 10 Mandamentos são ensinamentos que devem ser seguidos por todas as pessoas independente da religião ( Foto: Divulgação)

Dentro de algumas religiões existem determinadas lições ou doutrinas que devem ser seguidas para que se possa ter uma vida realmente Cristã e dentro daquilo que foi determinado pela Igreja e consequentemente seguindo o que Jesus deixou. Dentre tudo isso, os 10 Mandamentos podem ser considerados um dos pontos mais importantes para eles. Apesar disso, você conhece a origem? Sabe todos de cor? Se a sua resposta foi não, descubra abaixo as respostas.

Os 10 Mandamentos estão descritos na bíblia como algo originado dos escritos de Deus que foram entregues para o profeta Moisés em duas tábuas de Pedra e que deveriam ser seguida pelo povo Israelita para que eles pudessem viver em harmonia, além de ser o verdadeiro símbolo da aliança entre Deus e seu povo e que na forma dos Mandamentos ficasse marcado na vida de todos.

publicidade:

Os 10 Mandamentos também são chamados de Decálogo, que significa 10 palavras e que se resumem a Lei que Deus determinou ao seu povo e que deveria ser seguido à risca.

Os 10 Mandamentos estão presentes na Bíblia no Livro Êxodo e aparecem também em Deuterônimo.

Os 10 Mandamentos

  • “Não terás outros deuses diante de mim.”
  • Não farás para ti imagem esculpida, nem figura alguma do que há em cima no céu, nem em baixo na terra, nem nas águas debaixo da terra. Não te encurvarás diante delas, nem as servirás; porque eu, o Senhor teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniquidade dos pais nos filhos até a terceira e quarta geração daqueles que me odeiam e uso de misericórdia com milhares dos que me amam e guardam os meus mandamentos.”
  • “Não tomarás o nome do Senhor teu Deus em vão; porque o Senhor não terá por inocente aquele que tomar o seu nome em vão.”
  • “Lembra-te do dia do sábado, para o santificar.”
  • “Seis dias trabalharás, e farás todo o teu trabalho, mas o sétimo dia é o sábado do Senhor teu Deus. Nesse dia não farás trabalho algum, nem tu, nem teu filho, nem tua filha, nem o teu servo, nem a tua serva, nem o teu animal, nem o estrangeiro que está dentro das tuas portas. Porque em seis dias fez o Senhor o céu e a terra, o mar e tudo o que neles há, e ao sétimo dia descansou; por isso o Senhor abençoou o dia do sábado, e o santificou.”
  • “Honra a teu pai e a tua mãe, para que se prolonguem os teus dias na terra que o Senhor teu Deus te dá.”
  • “Não matarás.”
  • “Não adulterarás.”
  • “Não furtarás.”
  • “Não dirás falso testemunho contra o teu próximo.”
  •  “Não cobiçarás a casa do teu próximo, não cobiçarás a mulher do teu próximo, nem o seu servo, nem a sua serva, nem o seu boi, nem o seu jumento, nem coisa alguma do teu próximo.”

Fonte: Site Bíblia On

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook