Atualizado em: 2 abril 2008


Estou dividida entre dois amores, o que fazer?

Você está confusa porque está dividida entre o amor de dois homens? Como escolher entre o carinhoso e o sexy? Entre aquele que gosta de ficar em casa e o outro que adora ir a uma festa? Surge então o impasse e a angústia.

Sugiro que pense nas duas pessoas entre as quais você está em dúvida. Em quem pensou primeiro? Esta é a escolhida. O primeiro nome representa a certeza e o segundo, a ilusão.

Para saber se está com a pessoa certa, basta ver diante de si mesmo um espelho, ou seja, sua alma gêmea.

Quem pode lhe dar a compreensão do que é melhor para você é a vida. Ao decidir pela pessoa que irá dar certo, você estará diante de uma situação que considera verdadeira.

Outro fator importante refere-se ao sentimento de proteção. Qual das duas pessoas oferece “mais colo” a você?

Posso afirmar também que esta escolha não se trata de algo intuitivo, pois quem a faz é a razão. No cérebro, existe uma pasta com o arquivo “alma gêmea” e ele sabe o que é melhor para você.

Ao ficar com a primeira opção, você estará revelando que conhece a pessoa com quem vai conviver. A certeza do que deseja não acontece de maneira imediatista. Ela é solidificada dia após dia, para interagir com os seus conceitos (o que considera certo ou errado).

Diante de um conflito, é comum pedir ajuda aos amigos sobre os sentimentos conflituosos, perguntando aos outros se eles têm a mesma opinião. Mas é em vão, pois só você pode decidir.

A escolha final vai acontecer diante de uma palavra ou atitude que uma delas poderá ter, ajudando a obter segurança na sua decisão. Por isso, quanto menos palpites de terceiros ouvir, melhor. Sua opção deve ser livre.

A alma gêmea irá proporcionar a você estabilidade, segurança, paz e, pode acreditar, tudo acontecerá de uma maneira muito rápida, como se o universo conspirasse para que vocês dois fiquem juntos, pois amar é algo verdadeiro divino.


Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook