Atualizado em: 26 julho 2011

Nomes da vítimas dos ataques na Noruega

A Polícia começou a divulgar a lista das vítimas, mas por enquanto só quatro pessoas foram identificadas. A Polícia afirmou que após os corpos serem identificados, eles ainda informam a família.

Nesta terça-feira, 26 de julho, a lista das vítimas do massacre e das explosões na Noruega começara a ser divulgada pela Polícia do país. Até agora os números divulgados foram muito poucos, relacionado a quantidade de pessoas que foram mortas, o número exato de 76 mortos, apenas quatro pessoas foram identificadas. Tudo isso porque, segunda a polícia, o trabalho de
identificação é muito difícil, sem falar que ainda eles precisam contar para a família da vítima.

Além dos nomes, a polícia anunciou apenas as idades das quatro vítimas, seu local de nascimento e onde foram mortos (três nos prédios do governo em Oslo e um na ilha onde a juventude do Partido Trabalhista se reunia). São elas Tove Aashill Knutsen, de 56 anos, Hanna M. Orvik Endresen, de 61, Kai Hauge, de 33 (os três de Oslo), e Gunnar Linaker, de 23, de Bardu, único dos quatro morto na ilha.

publicidade:

Apesar da Polícia divulgar apenas quatro pessoas, a imprensa da Europa, como um jornal britânico arriscou em citar 14 nomes. Mas não se sabe ao certo se são mesmo, portanto é melhor esperar a divulgação da própria polícia.

O pai de Gunnar Linaker se pronunciou e revelou a imprensa que estava falando com o filho no momento do massacre, e falou as ultimas palavras que o filho disse: “Pai, tem alguém atirando”.

De acordo com o G1 o site da Polícia da Noruega ficou fora do ar, devido ao grande número de acessos. Mas ainda é esperado que seja divulgado o restante da lista dos mortos. Assim que forem divulgadas, você ficará sabendo aqui no Sempre Tops a lista completa de todas as vítimas da Noruega, tanto da explosão no centro de Oslo, como do massacre a Ilha.

Fonte: http://www.sempretops.com/noticias/consequencias-da-explosao-nuclear-do-japao/

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook