Atualizado em: 27 abril 2011

Nokia demitirá 4000 empregados

Nokia anuncia a demissão de 4.000 trabalhadores e a transferência de outros 3.000 para a Accenture, nova parceira que continuará o desenvolvimento do Symbian

A gigante de telefonia móvel Nokia anunciou a demissão de 4.000 trabalhadores até o final de 2012 , e a transferência de outros 3.000 para a empresa Accenture, que vai terceirizar produção de seu sistema operacional, o Symbian.

Os países mais afetados pelos cortes anunciados no seu site, são a Finlândia, onde fica a sede da empresa, o Reino Unido e a Dinamarca. Todos os trabalhadores afetados vão permanecer na folha de pagamento da Nokia até o final de 2011, pois a empresa espera que o programa de redução de funcionários seja levado a termos até o final de 2012.

publicidade:

A Nokia afirma que esta redução de funcionários e a decisão de consolidar suas operações, são parte de uma estratégia para reduzir em 1 milhão de Euros até  2013, os custos operacionais da divisão de dispositivos e serviços.

A empresa finlandesa assinou um acordo há dois meses com a Microsoft, para fazer frente à concorrência do iPhone e do Android. A Nokia está em processo de adoção do sistema operacional móvel da gigante de Redmond, “Windows Phone” em seus smartphones e incluirá nos seus dispositivos a ferramenta de pesquisa Bing, da Microsoft.

REDUÇÃO DE DESPESAS

Estas medidas fazem parte de um plano de redução de despesas que o presidente e CEO da companhia, Stephen Elop, anunciou há alguns meses.

O principal executivo da Nokia deixou bem claro aos seus trabalhadores que a situação da empresa era muito grave. O líder da Nokia explicou que eles estavam em “uma plataforma em chamas” e teria que tomar medidas drásticas para enfrentar a tempestade.

MAIS GRAVE DO QUE SE PENSAVA

Este editor chegou a acreditar que a estratégia de recuperação da Nokia não exigiria ações tão drásticas como esta demissão em massa, porém agora vejo que o presidente da empresa não poderia ter sido mais claro ao mencionar o termo “plataforma em chamas”, em um discurso há dois meses atrás.

PARCERIA ESTRATÉGICA

A Nokia afirma que o acordo de parceria estratégica com a Accenture permitirá a empresa terceirizar seu sistema operacional Symbian, e para isso, fará a transferência de 3.000 empregados para a nova parceira.

“Esta colaboração, ainda aguarda um acordo definitivo, a Accenture irá fornecer serviços de suporte e desenvolvimento de software baseados no Symbian”, disse a Nokia, que espera concluir o negócio em pouco tempo.

Neste sentido, a empresa finlandesa disse que os trabalhadores afetados pela transferência, estão baseados inicialmente na China, Finlândia, Índia, Reino Unido e EUA.

PARADOXO

A Nokia registrou um lucro líquido de 231 milhões de Euros no primeiro trimestre de 2011, representando um aumento de 32% em relação ao mesmo período do ano passado, enquanto as vendas do grupo cresceram 9%.


Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook