Atualizado em: 5 novembro 2012

Lenda Urbana - Quadro amaldiçoado

Conheça o mistério que intrigou muito pessoas em uma região do estado de Minas Gerais.
Você Sabia?
Thompson Araújo não reside mais na cidade e com relação ao quadro amaldiçoado não se tem a mínima ideia de seu paradeiro. A última vez que a viu foi na própria república onde residia na fase de estudante.
Quadro Amaldiçoado - Juliana

Moradores de Santa Rita do Sapucaí temem por suposto quadro amaldiçoado. (Foto: Divulgação)

Em uma cidade no Sul de Minas Gerais a foto de uma criança tocando piano intriga os moradores. A lenda urbana do quadro amaldiçoado começou quando um estudante de 22 anos localizou a imagem na rua e levou para a república que viva com outros colegas.

De acordo com a lenda urbana as casa pelas quais a fotografia passou tiveram mudanças significativas, uns chegam a dizer que até morte já fora provocada pelo chamado quadro amaldiçoado.

publicidade:

Um jovem que residia no local mudou-se e tempos depois a notícia de seu falecimento chegou à cidade. Embora esse fato possa ter sido natural, muitas pessoas acreditam que é culpa da maldição do objeto.

Origem do Quadro

Thompson Vangller de Araújo foi quem encontrou o quadro amaldiçoado pelas ruas de Santa Rita do Sapucaí, em 2008, mas ele mesmo e nem ninguém sabe ao certo quem é a criança em questão.

Ele afirmou que quando avistou o objeto ouviu de duas garotas que o nome da pequena era Juliana e assim ele passou a chamar a pessoa da foto e o levou para sua casa.

O Medo

Muitos dos que habitavam a mesma casa de Araújo afirmaram terem visto vulto depois que o quadro amaldiçoado chegou e o pedido para a retirado da imagem foi aceito. Mas a história na para por ai, a suposta Juliano foi para outra residência aterrorizar.

Na segunda república de estudantes pela qual passou a foto também causou estranheza e segundo relatos algumas pessoas também afirmaram ter percebido as mudanças. Um rapaz chegou a ter crise de pânico.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook