Atualizado em: 20 junho 2011

Google digitalizará Biblioteca Britânica

A Google colabora mais uma vez com a disseminação do conhecimento de forma livre ao firmar acordo com a Biblioteca Britânica para digitalizar toda sua obra.

Google digitalizará Biblioteca BritânicaA Google dá mais uma grande contribuição para a humanidade ao firmar um acordo com a Biblioteca Britânica nesta segunda-feira (20), onde ficou estabelecido que os 250 mil livros da instituição serão digitalizados, ganhando uma versão virtual, online e acessível gratuitamente para todos.

A Biblioteca Britânica tem um total de 40 milhões de páginas produzidas entre 1700 e 1780, somando as 250 mil obras impressas que contém um tesouro de conhecimento produzido pelo homem.

publicidade:

A Google irá financiar a tarefa que terá início com a digitalização de panfletos feministas de 1791 sobre a Rainha Maria Antonieta e um texto com informações detalhadas sobre um hipopótamo empalhado pelo príncipe de Orange.

Como as obras foram publicadas entre os séculos XVIII e XIX, não possuem direitos autorais e serão distribuídas livremente através do Google Books. O download será livre e acessível para todos.

“Tornar pública uma das maiores coleções de livros do mundo demonstra que a Biblioteca está comprometida em garantir o acesso de todos à pesquisa”, disse a Biblioteca Britânica em comunicado oficial.

“No século XIX, nossos antecessores ambicionavam assegurar que o conhecimento não ficasse restrito a pessoas que podiam frequentas bibliotecas particulares. Com a parceria, podemos dar continuidade a esse pensamento”, afirmou Dame Lynne Brindley, presidente da instituição britânica.

A Google segue adiante na elaboração de um enorme acervo digital online. Não faz muito tempo, a empresa estabeleceu uma parceria com a editora Brightsolid para digitalizar 40 milhões de páginas de sua coleção de periódicos. Anteriormente, outro acordo foi firmado com a rival Microsoft para digitalizar 65.000 livros do século XIX.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook