Atualizado em: 28 maio 2013

Famosos e a Política - O que já fizeram em seus mandatos

A Política denomina arte ou ciência da organização, direção e administração de nações ou Estados.
Você Sabia?
Que a política surge na Grécia clássica, período da história humana no qual o pensar mítico é fagocitado pelo pensar racional.
tiririca1

Tiririca foi o deputado mais votado no Brasil no ano de 2010

Conheça a seguir alguns casos de famosos da política e o que eles fizeram durante seu mandado ou o que prometeram quando se elegeram.

Sílvio Santos

O apresentador mais famoso do Brasil teve a grande promessa de levar pão e circo para o povo, sendo um dos 22 candidatos a presidente em 1989. Ele entrou com seus concorrentes em 15 dias antes das eleições, pelo Partido Municipalista Brasileiro (PMB), sua candidatura porém foi impugnada através do Tribunal Superior Eleitoral devido a irregularidades partidárias.

publicidade:

Jorge Amado

Este foi deputado Federal e teve o seu mandado cassado no ano de 1948 quando o Partido Comunista o PC teria sido declarado como ilegal, na medida que foi seguida por uma invasão de sua casa por agentes do Dops. Foi então que toda esta violência fez com que ele se exilasse na França voltando para o pais só 4 anos depois. Foi eleito no estado de São Paulo com mais de 15.315 votos.

Tiririca

Eleito como Deputado Estadual desde o ano de 2011 prometeu não concorrer a reeleição no ano de 2014 e encerrar a sua vida política.
O humorista contou recentemente que se sentiu desiludido com toda a ineficiência da política do Brasil e por não levarem adiante seus projetos. Disse ainda que sua carreira artística lhe geraria mais dinheiro,vale lembrar que seu salário mensal de deputado é no valor de R$ 26 mil, um valor pequeno para quem lota casas fazendo pessoas rir em todo o Brasil.

Pelé

Pelé, esteve envolvido como ministro dos esportes entre os anos de 1995 e 1998 quando ainda a cadeira era chamada de Ministério Extraordinário do Esporte. Ele porém preferiu cuidar de todas as suas empresas e negócios desistindo do cargo. O ex craque ainda age na política porém de forma mais indireta. Ele é o embaixador honorário do Brasil durante a copa de 2014.

Gilberto Gil

Deixou o cargo de ministro voltando para a música, tendo interesse em deixar seu cargo antes de cumprir seu mandado, e disse ainda que o Brasil não poderia o limitar a política.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook