Atualizado em: 16 fevereiro 2012

Desastre com o navio Costa Concordia

Os bombeiros continuam procurando por sobreviventes do navio luxuoso, que é chamado de Costa Concordia, que bateu em uma rocha na última sexta (13).

Desastre com o navio Costa Concordia (reduzido)Por enquanto, a busca por mais sobreviventes foram suspensas por causa que o navio deslizou da rocha onde estava apoiado. (foto: AP)

Durante este final de semana, milhares pessoas de todas as partes do mundo acompanharam pela televisão uma notícia que mais parecia ter saído de uma das cenas do filme Titanic, onde um imenso navio naufraga causando um grande desastre de repercussão mundial.

publicidade:

Na última sexta (13), o navio Costa Concordia, que levava cerca de 4 mil pessoas, colidiu com uma rocha perto da ilha de Giglio, localizada na região central da Itália, e ficou parcialmente submerso.

Segundo as informações divulgadas pelo Itamaraty, que também é conhecido como Ministério das Relações Exteriores, os 57 brasileiros que estavam a bordo desse cruzeiro não estão entre os mortos e feridos. Até o fechamento desse post, foi divulgado para todos os veículos de comunicação que pelo menos 14 pessoas ainda estão desaparecidas e que seis pessoas morreram.

Entenda o que aconteceu

Durante o percurso, o navio Costa Concordia se chocou contra uma rocha e foi parar em um banco de areia perto da ilha Giglio. Por conta da forte pancada, o casco do cruzeiro luxuoso se rompeu e, depois de um tempo, o barco virou e ficou parcialmente submerso.

Assustados com a situação, tanto os passageiros quanto os tripulantes da embarcação que estavam presentes no navio colocaram o colete e esperaram para entrar nos botes salva-vidas. Por estar muito próximo da costa, muitas pessoas preferiram pular no mar e ir nadando até um local seguro.

Segunda as informações fornecidas pela agência Reuters, o presidente da empresa responsável pelo cruzeiro, Pier Luigi Foschi, acredita que o acidente foi causado por uma falha do comandante Francesco Schettino.

“A companhia desaprova o comportamento que causou o acidente ao desviar o navio da sua rota ideal”. Apesar das acusações, Schettino disse para um veículo de comunicação da Itália que não cometeu nenhum erro. De acordo com ele, a formação rochosa, que causou o acidente, não foram detectadas a presença delas pelo sistema de navegação automática do cruzeiro.

Confira as fotos do desastre

Desastre com o navio Costa ConcordiaNa sexta (13), o Costa Concordia bateu em uma formação rochosa e ficou preso em um banco de areia. (foto: AP)

Desastre com o navio Costa Concordia(3)Depois de serem socorridos, passageiros chegam de balsa em um porto da Itália. (foto: AP)

Desastre com o navio Costa Concordia(4)
Depois de um tempo, o cruzeiro luxuoso ficou parcialmente submerso, dificultando a procura por sobreviventes. (foto: AP)

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook