Atualizado em: 22 setembro 2011

Vasp é condenada à pagar indenização para ex-funcionários

A determinação foi dada pelo juiz Daniel Carnio Costa, da 1ª Vara de Falência de São Paulo, nesta quarta-feira, 21 de setembro. Vale deixar claro que a decisão ainda não foi publicada no Diário Oficial e cabe recurso.

Cerca de 40 milhões. Com certeza, essa não é uma quantia pequena pra ninguém, ainda mais quando se fala de uma empresa já falida, que precisa pagar uma indenização nesse valor. Pois é exatamente o que está acontecendo com a Vasp, no qual, terá pagar a um grupo de ex-prestadores de serviços e a ex-funcionários da companhia.

A determinação foi dada pelo juiz Daniel Carnio Costa, da 1ª Vara de Falência de São Paulo, nesta quarta-feira, 21 de setembro. Vale deixar claro que a decisão ainda não foi publicada no Diário Oficial e cabe recurso.

publicidade:

A distribuição do dinheiro será feita da seguinte maneira: cerca de R$ 15 milhões serão destinados ao pagamento de ex-funcionários, e R$ 25 milhões irão para os ex-prestadores de serviços, como escritórios de advocacia e fornecedores de energia e telefone.

Realmente o valor de 40 milhões é uma quantia alta, mas para quem não lembra, essa é apenas uma pequena parcela, porque a dívida total da empresa é de R$ 1,2 bilhão. Algo quase impossível de conseguir, se a empresa está completamente falida, até porque os 40 milhões que serão usados para o pagamento da dívida foi obtido com a venda de bens da companhia aérea, como imóveis e veículos, e está depositado na conta judicial vinculada ao processo de falência da Vasp.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook