Atualizado em: 15 abril 2010


Serviço Social Salário

Símbolo da profissão se assistente social

A profissão do Serviço Social, ou melhor o assistente social, é um profissional que para exercer a atividade tem que passar pela faculdade. A função do assistente social é intervir e analisar os vários fatores que norteiam a sociedade, atuando de forma incisiva nas questões sociais.

Por lidar com pessoas, o assistente social deve ter um pouco de conhecimento em todas as ciências referentes ao homem como Antropologia, Pedagogia, Filosofia. Sociologia, dentre outros. Isso mostra o quanto ele deve ser intelectualmente preparado para exercer o seu trabalho.

Por ser também um observador direto das condições de vida do homem na sociedade, desenvolve habilidades como criar projetos e desenvolver programas de cunho social, capazes de tornar uma vivência humana difícil e desprovida de qualidade, em dias melhores para se viver. O assistente social é aquele que luta pelos direitos das pessoas e batalha para que elas integrem programas de cidadania, sejam eles elaborados pelo governo ou pela iniciativa privada.

O seu grande objeto de atuação é preservar, defender e expandir os benefícios dos direitos humanos e a promoção da justiça social, logo, suas áreas de atuação são os órgãos de serviços sociai, empresas privadas e organizações não governamentais (Ongs) e ainda instituições como escolas, centros de convivência; administrações municipais, estaduais e federais; serviços de proteção judiciária; conselhos tutelares e órgãos de representação política.

Atualmente, o piso salarial da categoria este em R$ 960,00 com uma carga horária de 40 semanais, equivalendo a uma jornada de 8h por dia, contabilizada de segunda a sexta.  Essa proposta de ajustar a questão salarial dos assistentes sociais veio com a criação da Lei  8.662/93, que trata da profissão de assistente social.

Ainda o Projeto de Lei de número 4022/08 fixa que, de fato, o salário mínimo da categoria seja de R$ 960, segundo valores de junho de 2008, devendo as empresas empregadoras destes profissionais se adequarem as conformidades da lei. Ser assistente social pede que o perfil do profissional seja engajado na resolução de problemas e que busque lutar por melhor saúde, segurança e justiça para o cidadão.


Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook