Atualizado em: 4 maio 2011

Princesa Diana | Casamento, Fotos e Biografria

A Princesa Diana, mesmo após tantos anos a sua morte, ainda é um sinônimo de elegância e referencial para mulheres de todo o mundo. Entenda o porque lendo as linhas abaixo.

Com o recente casamento do Príncipe Willian com Kate Middleton, pipocaram na mídia diversas comparações entre Kate e a mãe de Willian, a Princesa Diana. Mesmo tanto tempo após a sua morte, a Princesa Diana ainda permanece nos corações dos ingleses e de todo o povo do Reino Unido.

publicidade:

A Princesa Diana faleceu no dia 31 de agosto de 1997, quando tinha apenas 36 anos de idade. Diana veio a óbito devido a um acidente automobilístico que sofre na França com seu, na época, namorado Dodi Al-Fayed.

Confira abaixo a trajetória de vida da Princesa que até hoje é referência em todo o mundo.

Nascida no dia 1 de julho de 1961 em Sandringham, Inglaterra, a Princesa Diana foi a primeira esposa do Herdeiro do trono da Rainha Elizabeth II, Charles. Desse casamento, nasceram os seus únicos filhos, os príncipes William e Harry que pela ordem, são respectivamente o segundo e o terceiro na linha de sucessão aos tronos do Reino Unido, do Canadá, da Austrália, da Nova Zelândia e de outros doze países da Commonwealth.

Com o casamento com o Príncipe Charles, a Princesa Diana, também conhecida como Lady Di, acabou se tornando uma das mulheres mais famosas do mundo: em pouco tempo tornou-se um ícone da moda e referencial de beleza e elegância feminina. Outro fato que chamava bastante atenção, era sua disposição e trabalhos voltados para a caridade, obtendo destaque na sua luta no no combate à SIDA/AIDS e na campanha internacional contra as minas terrestres.

O casamento com o Príncipe Charles durou 15 anos (1981 – 1996) e, o que no início parecia ser um casamento perfeito, terminou cercado por diversos escândalos de ambas as partes.

Durante todo o casamento, é certo que Lady Di, sempre chamou mais atenção do que seu marido à época, o que de certa forma atrapalhou a relação. Além disso, as recorrentes suspeitas de traição do seu marido foram fundamentais para o fim do casamento.

No dia 31 de agosto de 1997, Lady Di sofreu um acidente no túnel da Ponte de l’Alma, em Paria na França, no momento em que seu carro era perseguido por sete paparazzi. Naquela fatídica noite, Diana estava jantando com seu atual namorado Dodi Al-Fayed em um restaurante quando começou a perseguição por parte dos paparazzi.

No momento do acidente, estavam no carro de Dianda Dodi Al-Fayed, seu guarda-costas Trevor Rees-Jones e o motorista Henri Paul. O carro deles colidiu em um dos pilares do túnel. O guarda-costas de Fayed, Trevor Rees-Jones foi o único sobrevivente do acidente. Isso se deu pois o mesmo era o único ocupante do carro que estava com o cinto de segurança. Mesmo utilizando o cinto de segurança, Trevor Rees-Jones, passou meses em coma no hospital, e quando se recuperou, disse não lembrar do acidente.

No acidente, o motorista Henri Paul e Dodi Al-Fayed morreram na hora. Lady Di, que estava no banco de trás, durante o impacto foi jogada contra o banco à sua frente, causando uma hemorragia interna e quebra de ossos (bacia e braço). Diana ainda foi socorrida e lavada para Hospital Pitié-Salpêtrière. Mas as tentativas de salvar a sua vida foram em vão.

No dia 6 de setembro de 1997, seu funeral foi transmitido para todo o mundo e, estima-se que, mais de 2 bilhões de pessoas tenham assistido o mesmo.

Em seu funeral, o irmão de Diana, Conde Spencer disse a seguinte frase: “Acima de tudo, nós agradecemos pela vida de uma mulher que tenho muito orgulho em poder chamar de minha irmã – a única, a complexa, a extraordinária a insubstituível Diana, cuja beleza, interna e externa, jamais se extinguirá de nossas mentes.”

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook