Atualizado em: 28 janeiro 2012

Twitter não fará apagão contra lei antipirataria SOPA Act

Muitas empresas que operam na Internet são contra a lei SOPA e, portanto, pretendem interromper a prestação dos seus serviços online por um dia, com forma de protesto.

stop-sopa-affiliates-against-sopa

O CEO do Twitter, Dick Costolo, disse que sua plataforma não vai aderir ao movimento de protesto contra a lei antipirataria on-line SOPA, que propõe um apagão na Internet.  De acordo com ele, é tolice interromper os serviços de uma empresa global devido a uma lei nacional.

publicidade:

A rede de microblogging considera ainda, que se participar do apagão, poderia estar contribuindo para que o protesto não tenha um grande impacto na sociedade. Costolo disse através de um “tweet”, que permanece ativo no Twitter: “podemos ​​servir mais do que nunca como uma ferramenta para amplificar o primeiro protesto oficial que ocorrerá em algumas horas”.

Muitas empresas que operam na Internet são contra a lei SOPA e, portanto, pretendem interromper a prestação dos seus serviços online por um dia, com forma de protesto.

Este “apagão” é apoiado por gigantes da Internet como a Wikipedia. Seu fundador, Jimmy Wales, disse através de um “tweet”, que a Wikipedia ficará fora do ar por 24 horas a partir da meia-noite da próxima quarta-feira.

Esta é a maneira que a Wikipedia encontrou para expressar sua rejeição a controversa lei anti-pirataria, SOPA Act, que prevê o fechamento de sites que violam direitos autorais. Seu tweet diz o seguinte: “Aviso aos estudantes: façam sua lição de casa cedo A Wikipedia protestará contra o SOPA Act na quarta-feira”.

 

Sites brasileiros também protestam

Blogosfera participa dos protestos

Blogosfera participa dos protestos

A comunidade de software livre brasileira planeja um apagão por doze horas, entre 10 e 22 hs do dia 18, quarta-feira. A divulgação do apagão está sendo feita nos sites que aderiram ao protesto, bem como nas redes sociais, como Facebook, Twitter, Orkut, e outras.

Você pode entender como o projeto de lei conhecido como SOPA Act pode afetar o Brasil visitando uma página do site Software Livre Brasil.

 

O que diz a lei (SOPA)?

Quando um site for denunciado, todos os demais sites que tenham “relacionamento” com ele e não queiram sofrer as consequências legais terão cinco dias para:

  •     ISP: Deverão bloquear os seus DNS (impedindo o acesso ao domínio).
  •     Serviço de hospedagem: Deverão bloquear o acesso ao site.
  •     Publicidade: Deverão bloquear a publicidade.
  •     Serviços de pagamento: Deverão congelar os fundo.
  •     Links : Deverão ser removidos links ao site.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook