Atualizado em: 15 outubro 2011

Spotify chega aos 250 mil usuários nos Estados Unidos

O Spotify oferece músicas ilimitadas para ouvir sempre que quiser. No Brasil, só é possível se cadastrar usando artifícios que fazem o site pensar que estamos nos EUA.

spotify_01

Depois de anos de negociação com gravadoras do mundo, finalmente, em julho passado, o serviço de streaming de música  Spotify foi lançado nos Estados Unidos.

publicidade:

Apenas três meses desde o seu lançamento, o serviço ultrapassou os 250 mil usuários que contrataram uma conta paga.

Após a divulgação deste número, a Spotify não revelou novas informações, mas pessoas próximas à companhia dizem que este número já teria sido superado.

O modelo de negócio Spotify é baseado em assinaturas de contas Premium e Unlimited, e publicidade que é exibida para usuários que usam as contas gratuitas.

A chegada da Spotify no mercado norte-americano é um marco importante para esta empresa, pois Europa e América são os países com maior penetração da Internet (78 por cento da população dos EUA tem uma conexão com a Internet).

A Spotify está disponível atualmente na Suécia, Noruega, Finlândia, Holanda, Reino Unido, França, Espanha e Estados Unidos.

Interface do Player do Spotify

Interface do Player do Spotify

Usuários do Brasil não conseguem mesmo criar uma conta, porém é possível usar programas simples que enganam os dispositivos de restrição do Spotify, de forma que ele pense que você está nos EUA.

No momento da criação desta matéria, estou ouvindo Phil Collins no Spotify com a conta gratuita que criei ontem mesmo. A impressão que dá é que as músicas estão no próprio computador, pois começam a tocar na hora em que o play é acionado. Nenhuma das músicas travou em nenhum momento, de forma que estou satisfeitíssimo como o serviço.

A Spotify recentemente assinou um acordo com o Facebook, permitindo-lhe oferecer aos seus serviços através desta rede social.  Usuários do Facebook podem ver quais são as músicas dos seus contatos e compartilhar suas preferências entre si.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook