Atualizado em: 9 março 2014

Relação Pais e Filhos nas Redes Sociais

Trouxemos algumas dicas de como ter um bom relacionamento com seus filhos nas redes sociais e assim não cometer gafes e criar atritos desnecessários.
Você Sabia?
O Facebook possui mais de 600 milhões de usuários ativos em todo o mundo e se fosse comparado a um país como Portugal, podemos dizer que no Facebook existem 60 "Portugais".
É importante os pais terem alguns critérios para que a relação com os filhos nas redes sociais sejam as melhores possíveis ( Foto: Divulgação)

É importante os pais terem alguns critérios para que a relação com os filhos nas redes sociais sejam as melhores possíveis ( Foto: Divulgação)

Ter uma relação boa e saudável com os filhos é importantíssimo para que isso se estenda em todos os setores da vida, inclusive nas redes sociais e por isso trouxemos um pouco sobre este assunto que gera tanta polêmica e muitas dúvidas.

As relações estão cada dia mais intensas no mundo virtual e o relacionamento familiar entre pais e filhos precisa ser bom, embora muitos pais acabam deixando seus filhos constrangidos, por isso abaixo trouxemos dicas para que os pais possam ter uma ótima relação com os filhos também nas redes sociais. Existem alguns limites que devem ser respeitados nas redes sociais, embora os pais tenham que monitorar os filhos ainda mais se forem jovens, mas existem filhos tímidos e que se sentem incomodados com algumas atitudes, portanto vejam nossas sugestões e coloquem em prática.

publicidade:

Redes Sociais – Pais e Filhos

  1. Os pais devem tomar cuidado com broncas em público, corrigir erros gramaticais ou deixar recados particulares que possam gerar vergonha aos filhos.
  2. É importante interagir com os filhos nas redes sociais, mas sem exageros e intromissões e caso vejam algo que não gostem nada de ficar tentados a escrever na página sobre o assunto, devem resolver com um bate papo sem exposição.
  3. Se seu filho for brincalhão e descontraído, marcar vocês em algumas publicações você poderá ficar mais solta, agora se ele for mais reservado sejam reservados também.
  4. Jamais exponha as intimidades familiares porque existe uma rede de amigos que vê o que você comenta, compartilha e curte.
  5. Dê sempre liberdade a seus filhos para que usem as redes sociais, mas acompanhe diariamente no estilo “liberdade vigiada”.

Agindo desta forma vocês poderão ter uma relação bem saudável com seus filhos nas redes sociais e embora vocês devam ser amigos e parceiros, jamais se esqueçam dos limites e principalmente do respeito que precisa existir em qualquer relação.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook