Atualizado em: 6 fevereiro 2012

Bilionário com Salário de 1 Dólar

Mark Zuckerberg, se prepara para mais um investimento e seu salário será reduzido para 1 dólar/ano. Já que o Facebook irá entrar na bolsa de valores dos Estados Unidos, ele poderá ser recompensado pelo rendimento das ações que poderão ser avaliadas em 100 bilhões de dólares
publicidade:
Mark Zuckerberg

Agora US$ 500mil, a partir de 2013 US$ 1. Salário anual do CEO caíra após Facebook entrar no mercado financeiro (Foto: Divulgação)

Nos últimos dias se ouviu falar que o Facebook irá iniciar sua abertura de capital na bolsa de valores dos Estados Unidos, porém para que isso transcorra da maneira exata que o seu fundador, Mark Zuckerberg deseja e a empresa de modo geral planejou, o bilionário terá seu salário reduzido a 1 dólar.

Na semana passada a companhia enviou um documento com esse parecer para o órgão que regula o mercado financeiro americano, Securities and Exchange Commission (SEC) e ainda revela que essa decisão foi um pedido do próprio CEO.

publicidade:

Zuckerberg, o bilionário com salário de 1 dólar, será compensado posteriormente com o rendimento das ações, que promete ser altíssimo e pode chegar a 100 bilhões de dólares. Vários dados estão contidos no documento que é necessário para iniciar a abertura de capital e mais algumas informações foram disponibilizadas.

Por exemplo, nele consta que o bilionário que receberá 1 dólar a partir do ano que vem e pretende vender algumas das ações que possui durante a primeira oferta, mas ainda não sabe ao certo a quantidade que irá disponibilizar.

publicidade:

Pelo que consta o bilionário até agora tem um rendimento de 500 mil dólares, a redução de salário é elevada e tudo isso é prol de maiores faturamentos futuros. Zuckerberg possui 28,4 % do Facebook, sendo que ele tem 57% das ações de classe B, aquelas que dão a ele maior poder de voto.

A carta de Zuckerberg à SEC

O CEO do Facebook escreveu uma carta dirigida aos investidores interessados nas ações da companhia e anexou aos documentos entregues à SEC. O conteúdo fala sobre o que é o Facebook, para que fim ele foi criado e a intenção em fazer crescer.

Dois objetivos ficam bem claros nela, o primeiro é “Esperamos fortalecer a forma como as pessoas se relacionam” e o segundo, “Esperamos melhorar a forma como as pessoas se conectam com as empresas e com a economia”.

Leia a carta na íntegra e se estiver convencido que as ações do Facebook são um bom negócio, invista.

Você também vai gostar disso!

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook