Atualizado em: 30 abril 2013

Paternidade na Adolescência: Responsabilidades e Mudança de Vida

Veja quais são as dificuldades, responsabilidades e mudanças de vida que são trazidas pela paternidade de um jovem na adolescência.
Você Sabia?
Se for comprovada a paternidade, o jovem pai terá de registrar a criança e dar pensão para o filho e caso ele não tenha um emprego, que vai pagar a pensão são os pais do jovem!
Pais Adolescentes

Noticia que vem com um Balde de água, a Paternidade na Adolescência acelera ainda mais as responsabilidades do adolescente com a nova fase. (Reprodução)

Quando um teste de gravidez de uma adolescente dá resultado positivo a notícia cai como uma bomba na cabeça e na vida tanto da moça quanto na do rapaz.

Por mais que saibam dos riscos, os adolescentes praticam as relações sexuais mais por instinto e coisa do momento, sem cuidados com a prevenção da gravidez. E  embora saibam que sexo pode acabar em gravidez, os jovens sentem como se um balde de água gelada caísse na sua relação amorosa.

publicidade:

Dúvidas

Até porque a relação amorosa dos jovens é muito baseada em atração física e não em amor.

Há também o fato de que a garota sabe que é a mãe, já que a criança está crescendo dentro dela, por outro lado, o garoto pode ter dúvidas se é realmente  o pai, principalmente, quando não há um vínculo duradouro e de confiança entre o casal, e também se o jovem ou sua família deseja uma  confirmação de paternidade por meio do teste de DNA.

Responsabilidades e Mudanças

Entretanto as vezes o adolescente já dá logo o primeiro sinal de responsabilidade, reconhecendo que é o pai da criança. Mesmo que responsabilidade  implique em  muito mais do que apenas admitir que é o pai e pagar algumas contas. Até porque ajudar a criar o bebê  é válido, mas não constitui o principal do sentimento de paternidade. A paternidade é participar do desenvolvimento do filho pelo contato com a mãe e a criança na alimentação e nos cuidados, estabelecendo uma relação amorosa com a criança.

Mas isso, só acontece quando o adolescente reconhece a paternidade de forma voluntária. Mas o apoio dos pais do adolescente  também é fundamental. Pois muitos adolescentes que vão ser pais não tem a oportunidade de serem pais de verdade, muitas vezes por insegurança ou medo, o que os tornam  indiferentes diante das  namoradas grávidas e de seu filho.  Mas há os adolescentes querem exercer a paternidade, mas, são dependentes economicamente da sua família,e acabam  sofrendo pressões  de sua família, para não assumir a criança que vai nascer, uma vez que a chegada deste filho pode atrapalhar os planos de toda a  família.

Apoio Familiar

Mas o apoio da família é muito importante não apenas para a mãe adolescente como também para o pai, pois  comparados aos colegas que não tiverem filhos na adolescência,a maioria dos jovens adolescentes que são pais atingem um menor grau de escolaridade que os seus colegas  e, mais freqüentemente, tem empregos de menor prestígio.

A paternidade na adolescência entretanto, pode e deve ser evitada pois traz consequências penosas para a vida do adolescente envolvido, além da vida a garota e a família de ambos. Até porque a  adolescência não é o melhor momento para se ter um filho, principalmente, para quem acredita tem sonhos, projetos e expectativas para realizar.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook