Atualizado em: 11 fevereiro 2011

Nasa acha impressionante anel feito de buracos negros

buraco-negro

Um anel impressionante de buracos negros e estrelas de nêutrons, o que parece ser o efeito de uma colisão galáctica a 430 milhões anos-luz da Terra, é a mais recente descoberta publicado no site da Administração Nacional Aeronáutica e Espacial, a NASA.

publicidade:

O objeto chamado ARP147, mede cerca de 115 mil anos luz de ponta a ponta, é formado por jovens estrelas massivas. As estrelas, diz a agência espacial dos Estados Unidos, evoluíram muito rapidamente, em apenas alguns milhões de anos e, provavelmente explodiram em supernovas, deixando estrelas de nêutrons densas e os buracos negros.

A Nasa informou que as novas fontes de raios-X detectadas em torno do anel ARP147 são tão brilhantes que devem ser buracos negros com massas de cerca de 10 ou 20 vezes o do nosso Sol.

A NASA explica que alguns destes objetos, remanescentes de estrelas “mortas” devem ter o co-estrelas de material roubado e este é um processo que produz grande quantidade de raios-X.

Neste sentido, também detectaram emissões de raios-X no núcleo de outra galáxia, que se apresenta com uma forma elíptica vermelha, provavelmente por causa da proximidade com um buraco negro com enorme massa.

Os cientistas usaram as informações captadas pelo Observatório Espacial de Raios-X Chandra e do telescópio Hubble para estimar a taxa de formação de estrelas no local. O trabalho, apresentado pela NASA, foi também publicado no Astrophysical Journal.

http://www.youtube.com/watch?v=A5d8USC0Lp8

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook