Atualizado em: 13 agosto 2013

Treinamento de Prevenção e Combate a Incêndio

Saiba mais sobre o Treinamento de Prevenção e Combate à Incêndios!
Você Sabia?
No Brasil a prevenção e combate à incêndios é ditada pela Portaria 3.214/78 - Norma Regulamentadora 23 do Ministério do Trabalho e Emprego, além de Leis Estaduais e Municipais!
Treinamento de Prevenção e Combate a Incêndio

Demonstração de como apagar fogo em botijões de gás.

Quase ninguém sabe, mas até condomínios residenciais devem, por lei, ter pessoal preparado para combater incêndios. Até porque quando acontece um incêndio, pouca gente sabe como agir. As brigadas de incêndio são fundamentais para ajudar no combate aos incêndios, enquanto os bombeiros estão a caminho do local.

Pois, enquanto o Corpo de Bombeiros não chega, a Brigada de Incêndio deve trabalhar para evitar que o fogo se espalhe. Os prédios comerciais e residenciais, assim como as indústrias e até os prédios públicos, são obrigados a ter pessoas com treinamento de prevenção e combate à incêndios. O número de integrantes da brigada de incêndio, depende do tamanho e do número de pessoas no prédio. Sendo que nos  edifícios residenciais, os funcionários e moradores participam da equipe.

publicidade:

Por exemplo, em um principio de incêndio, as pessoas da brigada de incêndio  de um prédio ou empresa, já sabem que devem  se encontrar no hall do edifício ou da empresa; e que o principal a fazer é  desligar o gás e o disjuntor da energia elétrica. Até porque o gás e a energia elétrica são fontes potenciais de um incêndio, e cortar o que alimenta o fogo impede que as chamas se espalhem com rapidez.

Também é  preciso saber usar os equipamentos adequadamente. Pois existem três tipos diferentes de extintor: o de gás carbônico, mais indicado para fogo em equipamentos elétricos; de pó, para incêndios em que há líquidos inflamáveis, como tintas, solventes e gasolina; e o de água, que não pode ser usado nas situações anteriores.

Outro detalhe que precisa ser observado é que  os prédios comerciais, dependendo da avaliação de risco feita pelos bombeiros, precisam ter bombeiros civis, além das brigadas de incêndio. Sendo que a base do treinamento é a mesma dos militares.

A pessoa com treinamento de  bombeiro civil vai dar o primeiro combate ao incêndio. Quando for relatado realmente o incêndio, vai ser acionado o bombeiro militar, que vai até o local e tomar conta da ocorrência.

Entretanto a legislação que define como deve ser a brigada de incêndio dos prédios residenciais, empresas e ´[órgãos públicos, é feita pelos bombeiros, variando de estado para estado. Por exemplo, em São Paulo, o integrante da brigada de incêndio  deve estar em boas condições físicas, ser alfabetizado para poder ler os avisos e ser maior de idade. Mas acima de tudo , além da legislação própria de cada estado, é vital ter pessoal treinado na prevenção e combate aos incêndios, tanto nos prédios residenciais ou de empresas, assim como nos públicos para que possam  enfrentar uma situação de incêndio e até mesmo socorrer alguém que passou mal ou se feriu durante o incêndio.

 

 

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook