Atualizado em: 27 dezembro 2012

Testamento: Como fazer e como ter valor legal

Sabemos que muitas pessoas fazem testamentos e trouxemos informações de como fazê-lo e torná-lo legal!
Você Sabia?
Que o testamento serve para distribuir bens após a morte e expressar as últimas vontades, mas que sejam vontades dentro das leis.
Testamento: Como fazer e como ter valor legal ( Foto: Divulgação)

Testamento: Como fazer e como ter valor legal ( Foto: Divulgação)

Alguns documentos são extremamente necessários e imprescindíveis na nossa vida e existem alguns passos que devem ser seguidos para que eles se tornem legais perante a justiça. Pensando nisso, hoje falaremos de um dos documentos mais importantes, que é o testamento. Saiba como fazê-lo e como ele pode ter valor legal.

O testamento é um documento que serve para que você deixe explícitas suas vontades para que sejam realizadas após a sua morte.

publicidade:

Ele pode conter dados como partilha de bens, vontades pessoais ou até mesmo condições que devem ser atendidas para que algo seja feito exatamente da forma que você gostaria.

Apesar disso, apenas escrever o testamento não é o bastante para que ele realmente tenha algum valor. Para que isso ocorra existem alguns itens que devem ser levados em conta, tanto na hora de fazê-lo, como na hora de torná-lo legal.

Para fazer o seu testamento você deve ter em mente tudo àquilo que deseja, além de que ele deve ser feito individualmente e caso necessite de ajuda apenas um advogado poderá auxiliá-lo.

Tipos de Testamentos

Existem alguns tipos de testamentos e algumas maneiras de serem feitos e que são os seguintes:

  • Testamento particular

Escrito e assinado pelo testador e que necessita três testemunhas e que não precisa ser autenticado no cartório.

  • Testamento Cerrado

É um documento também particular e que possui a aprovação do tabelião e necessita de duas testemunhas. Após isso ele é lacrado e deixado sob a proteção de alguém de confiança do testador.

  • Testamento Público

Precisa ser registrado em cartório com duas testemunhas. Ele é o mais seguro de todas as formas de testamentos citados acima. Ele é guardado em um arquivo de testamento e quando o testador morre ele é imediatamente desarquivado e colocado em prática. Por outro lado por ser público ele poder ser visto por qualquer pessoa e isso pode ser tornar algo ruim.

Como pode ser visto acima dois dos modelos de testamentos necessita ser registrado em um cartório de registro de documentos para que se torne válido e que tenha valor perante a justiça e a lei e que com isso ele possa ser levado em conta após o falecimento do testador.

Outra coisa muito importante é que o testamento precisa ser registrado até 20 dias após a sua construção para que assim tenha valor.

Caso você possua muitos bens ou deseje que algo seja feito após o seu falecimento, não deixe de fazer o seu testamento e ter a segurança de que suas vontades serão atendidas.

Fonte: Site Jus Brasil e InfoMoney

Testamento: Como fazer e como ter valor legal ( Foto: Divulgação)

Testamento: Como fazer e como ter valor legal ( Foto: Divulgação)

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook