Atualizado em: 29 novembro 2013

Técnicas de Segurança para Evitar Sequestros

Dicas e conselhos são regras simples de segurança que pode evitar assaltos, roubos e outros tipos de violência, portanto fique atento as informações abaixo.
Você Sabia?
Que Sequestro é crime segundo o Artigo 148 do Código Penal Brasileiro, que significa privar alguém de sua liberdade, mediante sequestro ou cárcere privado.
images (2)

Sequestros relâmpagos vem acontecendo com frequência no Brasil e no mundo.

Os sequestros estão cada vez mais comuns nas grandes cidades brasileiras, com os criminosos levando adultos, idosos e crianças, obrigando adultos a tirarem dinheiro de caixas, pedindo resgates para as crianças e idosos, muitas vezes com violência e crueldade.

Para não ser vítima desse crime, existem alguns cuidados que a polícia das grandes cidades pedem para os cidadãos terem. Confira os cuidados para evitar sequestros e fique atento.

publicidade:

Cuidados

Sempre observe se não está sendo seguido, se não há algum veículo ou pessoa sempre perto de onde você está. Observe se não há veículos estranhos parados na sua rua, com pessoas desconhecidas, por muito tempo ou dias seguidos. Também repare se não há sempre pessoas trabalhando na sua rua, se não há reparos intermináveis e observe se os trabalhadores, caso eles estejam lá, estão realmente trabalhando.

Caso você perceba uma dessas situações, não vá para sua casa, desvie sua rota, vá para algum local seguro e informe a polícia. Para evitar que alguém consiga seguir você, ou mapear todo o seu dia, evite rotinas, mude sempre seu itinerário, faça coisas diferentes.

Não dê informações ao telefone para desconhecidos. Suspeite de “promoções” ou instituições que precisam de suas informações. As instituições sérias nunca irão telefonar ou mandar e-mail para você pedindo que você entregue informações por meios tão pouco confiáveis.

No trânsito, fique atento. Não encoste no carro da frente, sempre se dê espaço para manobrar caso alguém o aborde. Prefira sempre o lado esquerdo da pista, e fique atento nos cruzamentos e faróis.

Ao descer do carro, ou entrar, ou entrar na garagem da casa, faça uma inspeção nos arredores primeiro para ver se não há alguém por perto. Mesmo enquanto for colocar o cinto, ou atender um telefone, mantenha-se atento, é nessa hora que as vítimas de sequestro são atacados.

Não ostente riqueza, não ande com cartões de banco, talões de cheque cheio e muito dinheiro na carteira. Não anote senhas eletrônicas e mantenha na bolsa ou carteira, e saiba sempre onde está o posto policial mais próximo.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook