Atualizado em: 14 junho 2013

Seguro-desemprego 2013: Parcelas e Valores

O Seguro-desemprego, benefício que permite assistência financeira temporária, pode ser sacado em qualquer agência CAIXA.
Você Sabia?
Que o seguro-desemprego surgiu no Brasil previsto na Constituição de 1946, porém somente foi introduzido e regulamentado em 1986.
SEGURO

Saiba que é possível fazer o Cálculo on line do valor e parcelas do seguro desemprego.

Os profissionais que forem dispensado do trabalho sem justa causa, deverá receber do empregador um formulário próprio dos requerimentos do Seguro Desemprego e isto acontece em duas vias devidamente preenchidas.

Como Funciona

Toda esta assistência financeira acontece em no máximo cinco parcelas, de forma contínua ou mesmo alternada. Em cada um dos períodos de aquisição de dezesseis meses, de acordo com algumas relações que também deverão ser respeitadas como por exemplo:

publicidade:

Três parcelas desde que o trabalhador possa comprovar um vínculo de empregado com pelo menos seis meses e no máximo onze meses de trabalho nos últimos 36 meses.

Quatro parcelas para os trabalhadores que comprovem um vínculo empregatício de pelo menos doze meses e no máximo 23 meses também em um período de no máximo 36 meses.

Ou também cinco parcelas se o trabalhador comprovar vínculos empregatícios de pelo menos 24 meses nos últimos 36 meses.

Parcelas e Valores

As parcelas funcionam da forma listada acima, e tudo dependerá exclusivamente da data de admissão e demissão do trabalho, os cálculos deverão ser realizados no valor de salário médio dos últimos três meses anteriores ao da dispensa se aplicando valores da seguinte forma.

Para salários no valor de até R$ 1.090,43, recebe-se um valor equivalente a multiplicação do salário por 0.8, ou seja, você irá ganhar 80% do valor.

Caso seu salário fique entre os valores de R$ 1.090,44 atéR$ 1.817,56, deverá exceder ao valor listado anteriormente, e por este motivo se multiplica por 0.5, ou seja, um valor equivalente a 50% do salário base mais 872,35.

Para os salários superiores ao valor de R$ 1.817,56 os valores das parcelas deverão ser equivalentes a R$ 1.235,91 de forma invariável.
Com estes valores e das formas listadas acima você tem idéia de como funcionar a grosso modo o seguro desemprego.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook