Atualizado em: 15 julho 2011

RG com Chip - Preço, Onde Fazer, Como Utilizar

O novo RG com chip já será distribuídos este ano e vocês saberão de que forma e como será o processo de substituição.

RG Com Chip Um novo RG foi aprovado em 2010 e a mudança sofreu um atraso por causa da transição de governo.

O novo RG com chip chama-se RIC quer dizer Registro de Identificação Civil, que possuirá em um único documento informações como naturalidade, sexo, data de nascimento, foto, filiação, o Registro Geral (RG), o Cadastro de Pessoas Físicas (CPF) e o título de eleitor.

publicidade:

Com formato muito parecido ao do cartão de crédito ele é um cartão magnético com chip eletrônico que ainda terá foto, impressão digital, assinatura do portador, código e um número de dez dígitos com um dígito verificador que será registrado numa central nacional de dados, controlada pelo Ministério da Justiça.

O Ministério da Saúde prevê que a carteira de identidade nova seja feita gradualmente em dez anos.

Como funcionará

A princípio os habitantes de Salvador, Brasília, Rio de Janeiro, Hidrolândia (GO), Rio Sono (TO), Ilha de Itamaracá (PE) e Nísia Floresta (RN) é que fazem parte do projeto piloto e a troca será feita por convocação por carta ainda no primeiro semestre deste ano.

As pessoas selecionadas foram escolhidas por sorteio e por esta razão se você receber a carta é só seguir as instruções.

Preço

A emissão do RIC será custeada pelo Ministério da Justiça, portanto as pessoas não precisarão pagar nada pela troca.

Como adquirir

Teremos que esperar a convocação por carta já que as primeiras terão estados específicos que foram escolhidos.

O RG que possuímos pode ser pedido em diversos estados e por esta razão possibilita que as pessoas peçam o documento em diversas regiões.

Agora com o novo RG com chip não será mais assim já que as impressões digitais estarão em um único banco de dados o que impossibilitará fraudes e como as informações contidas não são feitas com tinta, nenhum reagente químico que possa existir poderá alterá-la.

Um grande avanço teremos com este documento já que teremos as nossas informações em um único documento embora o CPF e o Título de Eleitor sejam informações que poderemos escolher que façam parte do RIC ou não.

O Registro de Identificação Civil impossibilitará que muitos erros sejam cometidos porque será único em uma base de dados nacional impossibilitando que pessoas sejam confundidas, que pessoas cometam abusos e crimes usando documentos falsos e desta forma nos deixará muito mais tranqüilos.

Vamos aguardar e que seja rápida esta transição do RG pelo RIC porque o Comitê Gestor do RIC divulgará um calendário para a implantação em todo o país e assim que sair deixaremos aqui em primeira mão para vocês!

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook