Modificado em: 14 julho 2011

Receita Federal - Restituição do Imposto de Renda - IRRF

Saiba mais informações sobre a restituição do Imposto de Renda.
Como sabemos, todo cidadão brasileiro tem direitos e deveres perante o estado. E isso não apenas no Brasil, mas em todas as nações do mundo. Esses direitos e deveres é que mantem a nação estável e com tudo em ordem. Dentre um dos deveres para com o estado é o de declarar o Imposto de Renda.

O imposto de renda é um imposto existente em vários países, em que cada pessoa ou empresa é obrigada a deduzir uma certa porcentagem de sua renda média anual para o governo. Esta porcentagem pode variar de acordo com a renda média anual, ou pode ser fixa em uma dada porcentagem.

No Brasil, o imposto de renda é cobrado (ou pago) mensalmente (existem alguns casos que a mensalidade é opcional pelo contribuinte) e no ano seguinte o contribuinte prepara uma declaração de ajuste anual de quanto deve do imposto (ou tem restituição de valores pagos a mais), sendo que esses valores deverão ser homologados pelas autoridades tributárias. Os contribuintes se dividem em:

1. Imposto de Renda de Pessoa Física (IRPF)
2. Imposto sobre Renda de Pessoa Jurídica (IRPJ)

A declaração é feita anualmente e pode ser feita de maneira gratuita na internet e pelas agências do Banco do Brasil e da Caixa Econômica Federal, a um custo de R$ 3,50, em formulário nas agências dos Correios.

É importante que você faça sua declaração com bastante calma e ficando atento aos detalhes. Prestando bastante atenção, você tem a possibilidade de conseguir vários descontos e certamente não irá cair na malha fina.

Porém, o Imposto de Renda sempre oferece, também, uma possibilidade de restituição. É preciso ficar ligado para saber se você já tem direito ou não a restituição. E para saber, basta você clicar nesse link e saber a restituição do Imposto de Renda – Pessoa Física.

Agora já sabe, né? Não deixe de fazer prevalecer os seus direitos.


Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook