Modificado em: 23 julho 2013

Programa Mais Médicos: Como funciona

O Programa Mais Médicos faz parte de um amplo pacto de melhoria do atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde.
Você Sabia?
Que a medicina ocupacional surgiu na Inglaterra, na primeira metade do século XIX, com a Revolução Industrial
mais medico

O programa Mais Médicos prevê a contratação de profissionais estrangeiros para trabalhar nas periferias e no interior do País

O Programa Mais Médicos, que foi lançado recentemente vem ainda recebendo inscrições dos profissionais médicos brasileiros e também profissionais estrangeiros que estiverem interessados.

Sobre o Processo

Na última quarta feira o MS divulgou uma nota afirmando que mais de 11.701 médicos se inscreveram nos mais de 753 municípios. E do total de profissionais que começaram a fazer o seu cadastro ficaram numerados da seguinte forma, , 9.366 se formaram no Brasil e 2.335 no exterior, com isto mais de 10.786 profissionais são da nacionalidade brasileira e 915 profissionais eram estrangeiros.

Esta questão de um pacto pela saúde pública foi solicitado nos diversos protestos feitos recentemente no Brasil e é uma tarefa considerada inadiável. Todos sabemos disso. Não é possível que se tenha aqui no Brasil, mais de 700 municípios sem médicos e mais de 1,5 mil com menos de um médico.

Foi destacado ainda que como parte do processo, os municípios que se inscreveram nos sistemas deverão ainda indicar uma unidade de saúde onde existe a falta de médicos na região. Com isto o ministério da Saúde está acompanhando diariamente todas as inscrições dos médicos e também dos municípios. Devemos contar com um cadastro que mostra toda a infraestrutura das unidades básicas de saúde e ainda além de checarmos isso os municípios deverão também aderir aos programas do Ministério da Saúde de melhoria de infraestrutura.

Todos os médicos que forem formados aqui no Brasil ou ainda que tiverem diplomas válidos no país terão uma prioridade nas vagas do programa. E as que não forem preenchidas deverão ser oferecidas pelos estrangeiros inscritos para a iniciativa. Só devem ser selecionados médicos que atuam em países que tenham mais de 1,8 médicos por mil habitantes.

Inscrições

E para se inscrever basta apenas se acessar até o dia 25 de julho, na página disponível através do Ministério da Saúde: maismedicos.saude.gov.br. E no ato das inscrições os médicos deverão preencher uma boa ficha cadastral informando assim toda a nacionalidade dados importantes e ainda o país que tem a sua formação e instituição que vieram a concluir a graduação, entre várias outras informações possíveis neste caso.


Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook