Atualizado em: 9 maio 2013

Site para Pericia Médica: Como utilizar

Entenda melhor como você pode agendar uma pericia medica no INSS, com o auxilio de seus dados cadastrados no site e seu numero de beneficio. Veja como agendar!
Você Sabia?
A instrução normativa estabelece que o segurado somente poderá realizar novo requerimento de benefício por incapacidade após 30 dias, contados da data da realização do exame inicial anterior.
Pericia Medica 01

Uma das filas mais esperadas, e a da Pericia Médica do INSS, onde muitos utilizam via pedido no site. (Reprodução)

Para se ter uma idéia, um em cada três segurados do INSS não conseguem conquistar uma resposta positiva quando passam por um exame de perícia médica.

E muitas vezes existe sim a doença porém não a incapacidade de trabalhar, é o que diz o gerente do INSS de São Paulo. De acordo com informações da Previdência Social mais de 30% dos casos o benefício que se pede costuma ser negado pela falta de documentos que são necessários.

publicidade:

O que é Preciso?

É importante se ver o que é preciso levar no dia da perícia, e ainda é obrigatório se levar um documento de identidade, e o número do CPF e o endereço completo. Se ele estiver empregado como por exemplo a carteira de trabalho e também um documento das empresas com a data do seu último dia de trabalho.

É importante sempre se levar no dia da perícia a apresentação de todos os laudos médicos necessários, os atestados, e também todos os exames que poderão comprovar os problemas de saúde. Se por acaso o contribuinte pagar o próprio INSS poderá ainda levar o carnê de pagamentos.
Para se ter uma idéia no Brasil o número de segurados supera 700 mil mensais. E o processo não é algo fácil, já que um médico perito faz mais de 174 avaliações mensais. Estas avaliações consideradas mias comuns são para a aposentadoria por invalidez, pensão por morte, salário família e também auxílio doença.

Mudanças para Usar!

No caso de cessação prevista por benefícios, o segurado deverá ainda ser orientado para a possibilidade de requerer, de acordo com o caso alguns pedidos de prorrogação, pedidos de reconsideração e ainda pedidos de recursos as juntas de Recursos do Conselho de Recursos e previdência social.

Outra alteração que recentemente foi realizada é a possiblidade de se realizar um pedido de reconsideração, este que deve ser realizado por qualquer tipo de perito médico, até mesmo o que realizou a avaliação anterior o que anteriormente não era possível nas regras anteriores.
Consulte outras informações através do site do INSS – www.previdencia.gov.br – ou também pelo telefone 135.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook