Atualizado em: 16 julho 2012

Obesidade Canina – Causas e Tratamento

Entenda como evitar a obesidade do seu cão e saiba quais medidas tomar caso seja necessário que o animal perca peso.
Você Sabia?
Uma maneira fácil de dectar a obesidade canina é observando se as costelas do cachorro estão visíveis e palpáveis, se a resposta for negativa existe grande possilidade de o seu animal estar acima do peso.
Obesidade Canina

Repare no seu cão e veja se ele não está obeso, o excesso de gordura prejudica o seu animal. (Foto: Divulgação)

Da mesma forma que a obesidade efeta a saúde dos humanos, a dos caninos também pode ser afetada por conta da superalimentação, o excesso de comida fornecido aos cachorros fazem com que a gordura se acumule neles.
Os donos são os maiores culpados da obesidade canina, pois alimentação seus câes com comidas não apropriadas e oferecem refeições fora de hora.

Os responsáveis pelos animais devem dosar os que dão para os seus bichos. Eles também tem de ter hora para comer e não deve receber alimentos destinados a saciedade do ser humano, o ideal é alimentá-lo com ração e doses precisas, ele acostuma e vive bem.

publicidade:

Além da aliemntação, existem outras causas que podem levar a obesidade caniana, segundo matéria pública na Veja, são elas: pre-disposição genética, sedentariamo e castração.

Doenças que o cão pode apresentar

  • Colesterol alto;
  • Triglicérides elevado;
  • Problemas cardiovasculares;
  • Dificuldades no sistemas respiratório;
  • Dores nas articulações, entre outros.

Tratamentos

O idela é procurar um veterinário que deverá dar dieta ideal para o seu cão, normalmente os profissionais recomendam uma dieta que fraciona a quantidade de ração diária, dão um pano nutricional com exercícios e monitoramento.

É imprescindível que o dono seja rigoroso consigo mesmo e com o cão, faça-o acostumar com a rotina e seguir a risca as orientações, depois o bicho se acostuma e irá se sntir bem melhor.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook