Atualizado em: 6 março 2013

Imposto de Renda 2013: Novas regras do IRRF 2013

Fique por Dentro e saiba tudo sobre as novas Regras do Imposto de Renda em 2013 e quem é obrigatório declarar. Veja também as porcentagens corrigidas!
Você Sabia?
No Mundo, um dos primeiros registros de imposto de renda moderno, vem da Inglaterra para se defender contra as forças de Napoleão em 1799.
Novas Regras do Imposto de Renda 2013

Novidade em relação as Regras do IR 2013. (Reprodução)

Nesta última terça-feira (19/02), a Receita Federal informou sobre os novos procedimentos para o recolhimento e preenchimento da declaração do imposto de renda da pessoal física 2013.

Para quem ainda não sabe, o prazo para a presente declaração começará no dia 1º de março e irá até o dia 30 de abril. A presente declaração poderá ser entregue tanto em disquete nas agencias do Banco do Brasil ou Caixa Econômica Federal ou através da internet. O programa responsável por gerar os impostos estará disponível na própria pagina da receita federal no dia 25 de fevereiro, à partir das 8 horas da manhã.

publicidade:

Quem é obrigado a declarar?

Segundo o site da Receita, são obrigados a declarar os contribuintes que receberam rendimentos tributáveis, onde a soma dos mesmos fora superior ao valor de R$ 24.556,65 no ano de 2012. Atualmente, esse valor fora corrigido em 4,5% se comparado a declaração do ano anterior.

Fora essas pessoas, também estão obrigadas a declarar aquelas que são isentas, tributados exclusivamente na fonte ou não tributáveis onde a soma total seja superior aos R$ 40 mil reais.

A presente declaração também é obrigatória para aqueles que tiveram em qualquer mês, ganho de capital na alienação de bens ou de direitos e que seja sujeitos a impostos, além de realizar operações em bolsas de valores, de futuros, de mercadorias, ou que obteve receita bruta com atividade rural superior a R$ 122.783,25 reais.

Quem tinha até o dia 31 de dezembro de 2012 posse de bens ou qualquer propriedade com valor superior a R$ 300 mil também tem como obrigação fazer a presente declaração.

Para maiores esclarecimentos, acesse – www.receita.fazenda.gov.br – e fique por dentro das novidades!

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook