Atualizado em: 31 março 2010

Nomenclatura dos sais

Quem está na escola ou em época de vestibular, sem sombra de dúvidas, uma hora irá dar de cara, na matéria de química, com os sais e sua nomenclatura.

publicidade:

Para começar, uma definição de sal. Sal é todo composto químico que se origina de uma reação entre uma base com um ácido, um metal e um ácido ou um óxido base com um óxido ácido, e que podem ter de neutralização total ou parcial.

Um sal, quando em contato com a água se dissocia em um cátion diferente de H+ e um ânion diferente de OH.

O sal, geralmente, tem a forma de cristais, além de possuírem um alto ponto de fusão. Se dissolvidos em água conduzem eletricidade, já que seus íons passam a funcionar como eletrólitos. Em sua fórmula química primeiramente é representado o cátion para depois o ânion.

O sal mais comum é o cloreto de sódio, popularmente conhecido como sal de cozinha.

Os nomes dos sais são formados pelos sufixos vindos do ácido que originou o nome do sal, desta maneira:

Sufixo do Ácido:               

1° -idrico

2° -ico

3°-oso

Sufixo do Ânion;

1°-eto

2°-ato

3°-ito

Então o nem do sal será primeiro o nome do ânion e depois o nome do cátion.

KCL

Este elemento é formado pelo cátion K (potássio) e pelo ácido clorídrico. Quando o sufixo do ácido termina em idrico, troca-se pelo sufixo do ânion eto, formando o elemento salino cloreto de potássio.

Você também vai gostar disso:

Conte-nos o que achou da matéria usando o facebook